Klabin cai 1% após cancelar assembleia para incorporação da Sogemar

LinkedIn

Investing.com – As ações da Klabin (BOV:KLBN11) operam com queda de 1,02% a R$ 17,47 na parte da manhã desta quinta-feira na bolsa paulista. Na noite de ontem, a companhia anunciou o cancelamento de uma assembleia de acionistas para votar a proposta da incorporação da Sogemar, num importante revés nos planos da fabricante de papel e celulose para deixar de pagar royalties por uso de marcas.

A Klabin tem por contrato o direito de explorar marcas de titularidade da Sogemar, entre elas o próprio nome Klabin, mediante o pagamento de royalties, que são calculados com base em um percentual do faturamento líquido.

Como forma de não ter de abrir mão das marcas e ao mesmo tempo não ter de pagar mais os royalties, a Klabin negociou a incorporação da Sogemar. Em contrapartida, a Klabin ofereceria à Sogemar ações ordinárias que equivaleriam a 50 por cento do valor presente do fluxo de pagamento dos royalties.

O Credit Suisse vê a decisão sob duas ópticas. A primeira ligada à possibilidade de um desfecho onde os acionistas poderiam criar uma nova proposta para terminar o pagamento de royalties e que a mesma poderia ser ainda melhor para os minoritários do que a original. Isso pode fazer com que a Klabin amplie o debate de melhora na governança, o que poderia resultar na migração para o Novo Mercado.

A outra opção seria que parte do acordo firmado já estaria precificado nas ações da companhia, o que leva à incerteza em relação ao andamento do negócio. A segunda opção é que deve prevalecer, na visão do banco suíço, principalmente em função da falta de clareza com relação ao timing e escopo da nova proposta.

Na visão da Mirae Asset, era esperado que nessa Assembleia a família aceitasse o acordo de R$ 344 milhões aos sócios da Sogemar (família Klabin), com desconto de cerca de 50% em relação ao valor do contrato na perpetuidade.

Com isso, a corretora avalia que a notícia é levemente negativa, uma vez que seria bem recebida pelo mercado. O impacto deve ser pequeno, uma vez que a Klabin tem uma geração de caixa de anual acima de R$ 4 bilhões e valor de mercado de acima de R$ 20 bilhões em Bolsa.

Os analistas esperam uma recuperação no volume de vendas de papel no mercado interno a partir do 2S19 e continuando a recomendando a compra, com upside de 37,2%, lembrando que a KLBN11 se encontra descontada em bolsa.

Deixe um comentário