Bom dia, Investidor! 18 de abril de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Para saber o que aconteceu na sexta-feira, após o fechamento dos mercados, confira o Momento do Investidor.

Destaques corporativos

Usiminas (USIM5): Usiminas abriu a safra de balanços corporativos nesta manhã com um lucro líquido de R$ 76 milhões no primeiro trimestre, representando uma retração de 51,6% na comparação com o desempenho do mesmo período do ano passado.

Petrobras (PETR4): Petrobras anunciou um aumento no preço do diesel de R$ 0,10 por litro, o que implica numa variação mínima de 4,518% e máxima de 5,147%, nos seus 35 pontos de venda no Brasil. O reajuste passa a vigorar a partir de hoje.

Eletrobras (ELET6) (ELET3): O presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, afirmou ontem que a Eletrobras está aprofundando os seus estudos para definir se vai partir para uma capitalização ou venda da companhia, com uma definição podendo ocorrer até o meio do ano.

Gol (GOLL4): O jornal Valor Econômico destaca que a Gol e a Latam, juntas, podem perder cerca de R$ 378 milhões caso a Avianca tenha que encerrar suas atividades antes do leilão de venda de seus ativos. Em recuperação judicial, a Avianca está com seu passivo aumentando rapidamente, somando mais de R$ 2,4 bilhões.

Triunfo (TPIS3): A Triunfo informou que o tráfego nas rodovias sob concessão no primeiro trimestre recuaram 2,7% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Engie (EGIE3): O Conselho de administração da Engie aprovou a emissão de debêntures no montante de R$ 2,5 bilhões. Os recursos serão usados para formação de capital de giro com foco na implementação do plano de negócios da companhia.

Vivo (VIVT4): Telefônica Vivo pagará juros sobre capital próprio relativos ao exercício de 2019 no montante de R$ 570 milhões. As ações ficam ex-juros após 30 de abril.

Recomendação de ativos

BTG Pactual: BTG Pactual reiterou nesta quarta-feira a recomendação de compra para as ações da Petrobras (PETR3), destacando que há espaço para a recuperação do ativo. No entanto, os analistas acreditam que o mercado só retomará a confiança na estatal quando for anunciado o próximo reajuste do preço do diesel e que ele seja consistente em relação a paridade internacional.

Notícias

Avianca Brasil: Em recuperação judicial e com menos aviões, a Avianca Brasil reduzirá o número de voos nesta Páscoa em 62% em relação à Páscoa de 2018, segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Serão 375 voos programados entre esta quinta (18) e o próximo domingo (21), contra 987 voos realizados em 2018 (de 29/3 a 1/4). A comparação levou em conta também a quinta-feira, véspera da Sexta-Feira Santa, que concentra boa parte dos deslocamentos no feriado.

Commodities

Petróleo Brent: O barril do petróleo Brent, com data de vencimento em abril deste ano e negociado no mercado de futuros em Londres, abriu a sessão desta quinta-feira, 18, em baixa. A commodity iniciou o dia cotada a US$ 71,58, variando 0,09% quando comparado ao fechamento da sessão anterior.

Minério de ferro: A jornada desta quinta-feira na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian foi marcada por uma nova desvalorização dos contratos futuros do minério de ferro. O ativo recuou 0,96%, encerrando assim negociado a 620,00 iuanes para cada tonelada.

Câmbio

Dólar: O dólar opera em queda nesta sexta-feira (18), em meio às incertezas sobre o andamento da reforma da Previdência, após a votação de parecer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) ser adiada para a semana que vem por falta de acordo.

Às 9h09, a moeda norte-americana caía 0,15%, vendida a R$ 3,9291.

Agenda econômica

CapturadeTela2019-04-17às15.29.41

Deixe um comentário