Lucro da Grendene (GRND3) foi 50,97% menor no 1º trimestre de 2019

LinkedIn

A companhia Grendene anunciou um lucro líquido de R$ 76.52 milhões no 1º trimestre de 2019, valor 50,97% inferior ao lucro líquido apurado no mesmo período do ano anterior (R$ 156.06 milhões). Na comparação com o 4º trimestre de 2018 (lucro líquido de R$ 251.32 milhões), houve uma diminuição de 69,55%.

Já a receita líquida da companhia diminuiu 22,45% de um ano para o outro, passando de R$ 545.81 milhões para R$ 423.26 milhões. Em relação ao último trimestre (R$ 742.42 milhões), a receita diminuiu 42,99%.

Os ativos totais da Grendene (BOV:GRND3) totalizaram R$ 3.99 bilhões no 1º trimestre de 2019, soma 5,17% maior que o saldo de R$ 3.79 bilhões registrado no encerramento do mesmo período do ano anterior.

O patrimônio líquido da companhia, por sua vez, apresentou crescimento de 5,99%, ao comparar todos os valores contábeis que os seus sócios possuíam no fechamento do 1º trimestre de 2019 (R$ 3.43 bilhões) com a mesma data em 2018 (R$ 3.23 bilhões).

Todos estes dados referem-se à consolidação do resultado financeiro da companhia Grendene (BOV:GRND3) com o resultado financeiro de todas as suas companhias subsidiárias (empresas controladas, de maneira direta ou indireta, pela companhia) relacionadas ao 1º trimestre de 2019.

Resultado da Grendene nos últimos 12 Meses

Nos últimos doze meses, a companhia Grendene acumulou um lucro líquido de R$ 505.99 milhões – desempenho inferior ao valor médio dos cinco anos anteriores (R$ 585.14 milhões), quando a empresa teve uma retração média de 1,58% por ano.

Ainda considerando os últimos doze meses, a receita líquida da empresa totalizou R$ 2.21 bilhões. Essa soma foi maior que o valor médio dos últimos cinco anos (R$ 2.21 bilhões), quando a receita líquida da companhia Grendene cresceu, em média, 0,09% por ano.

Acesse o balanço financeiro completo desta companhia, clicando aqui. Não deixe de conferir também seus indicadores fundamentalistas, clicando aqui.

Conheça a Grendene

Grendene manufatura calçados para homens, mulheres, crianças em todos os segmentos de mercado de massa. Está envolvida no processo completo de fabricação, começando pela unidade de moldagem e fábricas até a logística de distribuição, atingindo distribuidores até varejistas tradicionais e não-tradicionais no território doméstico e no exterior. As principais marcas da companhia são Melissa, Rider, Grendha, Ipanema Gisele Bundchen, Ipanema, Ilhabela, Grendene Kids, Grendene Baby e Zaxy. No Brasil, a empresa opera nos estados do Ceará, Rio Grande do Sul e Bahia. No exterior, a Grendene está presente nos Estados Unidos e na Argentina.

Usuários ADVFN acompanham, gratuitamente e em tempo real, a cotação de todas as ações negociadas na BM&FBOVESPA através das ferramentas Monitor, Cotação e Gráfico.

Comentários

  1. Joaozinho diz:

    Arrumem o título do anúncio…

  2. André diz:

    A manchete está invertida

  3. Osmar diz:

    Favor corrigir a manchete. O lucro foi MENOR que o 1T18.

Deixe um comentário