Privatizações de Cemig e Copasa podem render R$9 bi, diz governador de MG

LinkedIn

A privatização de ativos estatais em Minas Gerais poderá levantar até R$ 9 bilhões de reais, o que ajudará a abater o déficit de R$ 12 bilhões do Estado, mas não o eliminará, afirmou o governador mineiro, Romeu Zema, nesta quinta-feira.

A venda da empresa de energia elétrica Cemig (BOV:CMIG4) poderá levantar R$ 5 bilhões de reais e a privatização companhia de saneamento Copasa (BOV:CSMG3) outros R$ 3 bilhões a R$ 4 bilhões de reais, disse Zema em uma conferência em Nova York.

Ele acrescentou que os trabalhos sobre a privatização das subsidiárias da Cemig começarão nos próximos meses, embora ele não tenha especificado quais.

Deixe um comentário