Aneel rejeita pedido da Renova para transferir complexo eólico à AES Tietê

LinkedIn

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu nesta terça-feira rejeitar um pedido da geradora Renova Energia (BOV:RNEW11) para a transferência à AES Tietê de seu complexo eólico Alto Sertão III, cujas obras estão atualmente paralisadas.

O diretor Efraim Cruz, relator do processo na agência, entendeu que as empresas não conseguiram demonstrar que vantagens a transferência do projeto inacabado poderia gerar aos consumidores de energia e nem assegurar garantias de que o empreendimento seria retomado e concluído no prazo pretendido.

Renova e AES Tietê ainda pediam isenções de penalidades devido ao atraso do projeto, o que a agência não entendeu como razoável.

“A mudança societária traz, em potencial, recursos para a implantação dos empreendimentos… todavia, é necessário demonstrar, objetivamente, qual o benefício para a prestação do serviço público. E, de modo objetivo, não foi apontado benefício ao consumidor”, resumiu Cruz, em seu voto.

A AES Tietê, da norte-americana AES, apresentou em abril proposta de até 350 milhões de reais pelo complexo Alto Sertão III, comprometendo-se ainda a assumir uma dívida de 988 milhões de reais do empreendimento. Mas a empresa havia dito que o fechamento do acordo dependia de condições precedentes, que incluía a aprovação pela Aneel.

Com Reuters

Deixe um comentário