Bom dia, Investidor! 26 de junho de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

Petrobras (PETR3): A oferta de ações da Petrobras detidas pela Caixa foi precificada a R$ 30,25 por papel ordinário, afirmaram duas fontes com conhecimento do assunto nesta terça-feira. A Caixa vendeu sua participação de 2,3% na Petrobras com desconto de 1,5% sobre o preço de fechamento dos papéis nesta terça-feira, de R$ 30,70. O banco levantou R$ 7,3 bilhões com a venda de 241,3 milhões de ações ordinárias da Petrobras.

Energias do Brasil (ENBR3): Após o pregão desta terça-feira, 25, a EDP Energias do Brasil anunciou a data da sua próxima distribuição de dividendos. Segundo a empresa, o pagamento acontecerá no dia 01 de julho de 2019, no valor bruto total de R$ 476 milhões. Desse total, o valor a ser distribuído sob a forma de dividendos será de R$ 37 milhões, equivalentes a R$ 0,061 por ação. O montante restante (R$ 438 milhões) será distribuídos aos acionistas sob a forma de juros sobre capital próprio, no valor de R$ 0,72 por ação.

Petrobras (PETR4): A Petrobras informou nesta terça-feira que realizará uma nova rodada de ofertas finais para venda dos polos Enchova e Pampo, na Bacia de Campos, após ter comunicado há pouco mais de dez dias ter recebido ofertas de mais de 1 bilhão de dólares pelos ativos em águas rasas.

Petrobras: A força-tarefa da operação Lava Jato informou nesta terça-feira que assegurou a recuperação de cerca de 820 milhões de reais para a Petrobras, após ter firmado acordo de leniência com empresas Technip Brasil e Flexibras, ambas pertencentes ao grupo Technip, segundo comunicado do Ministério Público Federal.

Weg (WEGE3): O conselho de administração da Weg autorizou a distribuição de juros sobre capital próprio aos acionistas da empresa, no valor total de R$ 89 milhões, correspondente a R$ 0,042 por ação. Segundo a companhia, o benefício irá contemplar a posição acionária do dia 28 de junho.

Banco Paulista: A S&P Global Ratings rebaixou hoje os ratings na Escala Nacional Brasil do Banco Paulista S.A., de ‘brAA-/brA-1+’ para ‘brBBB-/brA-3’ e os manteve em sua listagem CreditWatch (perspectivas) com implicações negativas.

Vale (VALE3): A mineradora Vale realizou duas detonações de explosivos após o rompimento da barragem de rejeitos de minério de ferro em Brumadinho (MG), com o objetivo de eliminar qualquer risco de explosão no complexo minerário do Córrego do Feijão, informou a empresa em nota nesta terça-feira.

JBS (JBSS3): O Departamento de Justiça dos Estados Unidos iniciou uma investigação criminal sobre acusações que afirmam que a gigante norte-americana Tyson Foods e outras processadoras de carne, incluindo Pilgrim’s Pride e Sanderson Farms, fizeram conluio para fixação de preços de carne de frango. As ações de Tyson, Pilgrim’s Pride, controlada pela JBS, e Sanderson Farms recuaram no final do pregão desta terça.

Recomendação de ativos

Kroton (KROT3): A equipe do Credit Suisse elevou a recomendação da Kroton para compra, com preço-alvo de R$ 14.

Ser Educacional (SEER3): Para a Ser Educacional, os analistas revisaram a recomendação para compra, com preço-alvo de R$ 30.

Estácio (ESTC3): Já para a Estácio, o Credit Suisse recomenda a venda, com preço-alvo de R$ 31.

Notícias

Confiança do comércio: O índice que mede a confiança do comércio subiu 1,8 ponto em junho, passando de 91,4 para 93,2 pontos, segundo divulgou nesta terça-feira (26) a Fundação Getulio Vargas (FGV). Esse foi o primeiro resultado positivo em 2019. Em médias móveis trimestrais, entretanto, o Índice de Confiança do Comércio (ICOM) caiu 1,2 ponto, quarta queda consecutiva.  “Apesar da melhora, o índice ainda está em nível semelhante ao do período eleitoral. Em outubro do ano passado, ficou em 94,4 pontos, e chegou a 104 pontos em dezembro.

Commodities

Minério de ferro: A sessão desta quarta-feira foi marcada por perdas nos contratos futuros do minério de ferro, negociados na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian. O ativo encerrou a jornada com desvalorização de 0,25% a 804,00 iuanes por tonelada.

Petroleo Brent: Os preços do petróleo saltaram durante o horário comercial asiático, com o contrato de futuros de referência do petróleo Brent subindo 1,68%, para 66,14 dólares por barril e os futuros do petróleo subiram 2,14%, para 59,07 dólares por barril.

Dólar

O dólar opera em queda nesta quarta-feira (26). Às 9h10, a moeda norte-americana caía 0,33%, vendida a R$ 3,8386. A queda vem apesar de o Fed (BC dos EUA) sinalizar no dia anterior menores chances de cortes de juros. Na véspera, a moeda norte-americana subiu 0,64%, vendida a R$ 3,8513.

O BC realiza nesta sessão leilão de até 5,05 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de julho, no total de US$ 10,089 bilhões.

Agenda econômica

CapturadeTela2019-06-26às09.11.40

Deixe um comentário