Bom dia, Investidor! 28 de junho de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

Petrobras (PETR4): A Petrobras informou o início da etapa de divulgação das oportunidades (teasers) referentes à venda de ativos em refino e logística associada no país. Os desinvestimentos representam, aproximadamente, 50% da capacidade de refino nacional, totalizando 1,1 milhão de barris por dia de petróleo processado. Ontem, o presidente da Petrobras afirmou ainda que a companhia poderá concluir a venda de ao menos uma refinaria este ano, de um total de oito colocadas à venda.

Cia Hering (HGTX3): De acordo com o jornal Valor Econômico, a Cia Hering venceu disputa no STJ sobre créditos de ICMS. Segundo a publicação, ministros deram razão à Cia Hering mantendo um entendimento adotado pela 1º seção em 2017. No julgamento, a companhia alegou apenas que subvenções não configuram receita tributária, sem discutir se seriam para custeio ou investimentos.

B3 (B3SA3): A B3 fará um programa de recompra de ações de até 38.500.000 de ações ordinárias. O prazo máximo para aquisição, contados a partir de 28 de junho, será o dia 29 de fevereiro de 2020, cabendo à Administração definir as datas em que a recompra será efetivamente executada.

NeoEnergia : A oferta inicial de ações da Neoenergia movimentou R$ 3,744 bilhões, após gerar alta demanda entre os investidores, acima de cinco vezes a oferta. Essa é a segunda abertura de capital na B3 em 2019. A ação foi precificada em R$ 15,65, no centro da faixa indicativa de preço, que foi estabelecida entre R$ 14,42 e R$ 16,89. A estreia da ação na Bolsa será na próxima segunda-feira, dia 01.

CSN (CSNA3): A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) informou que precificou a reabertura (retap) da oferta de títulos representativos de dívida realizada no ano passado, denominados Notes, no mercado externo, emitidos por sua subsidiária, CSN Resources, no valor US$ 175 milhões, com vencimento em 2023 e juros de 7,625% ao ano.

CPFL Energia (CPFE3): A CPFL Energia informou que a sua oferta pública primária teve acrescida de um lote suplementar, em percentual equivalente a 15% do total das ações inicialmente ofertadas. Neste contexto, o resultado final da Oferta consistirá na distribuição total de 134.339.694 ações ordinárias (considerando o lote suplementar), ofertadas a um preço por Ação de R$ 27,50, totalizando um volume de R$ 3,694 bilhões.

Linx (LINX3): A Linx anunciou a aquisição da Millennium Network, por R$ 65,0 milhões à vista e, adicionalmente, sujeito ao atingimento de metas financeiras e operacionais, para os anos entre 2019 a 2022, pagará o valor de até R$ 44,6 milhões.

Recomendação de ativos

Pão de Açúcar: A equipe de análise do Bradesco elevou o preço-alvo para as ações do Pão de Açúcar (PCAR4). O valor passou de R$ 110 para R$ 112 e a recomendação de compra foi mantida.

Notícias

Taxa de Desemprego: A taxa de desemprego no Brasil caiu para 12,3% no trimestre encerrado em maio, atingindo 13 milhões de pessoas, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (28) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Trata-se da segunda queda seguida e da menor taxa desde o trimestre encerrado em janeiro (12%). No mesmo trimestre do ano passado estava em 12,7%.

Commodities

Minério de ferro: A sessão desta sexta-feira na bolsa de mercadorias da cidade chinesa da Dalian foi marcada por uma nova valorização dos contratos futuros do minério de ferro. O ativo registrou alta de 2,07% para um total de 838,50 iuanes para cada tonelada.

Petróleo: Os preços do petróleo caíram durante o horário comercial asiático, com o contrato de futuros de referência do petróleo Brent caindo 0,57%, para US$ 59,09 por barril.

Dólar

O dólar opera em queda nesta sexta-feira (28), com investidores aguardando um encontro crucial entre os líderes dos EUA e da China num encontro do G20 no fim de semana em busca de quaisquer sinais de progresso. Às 9h05, o dólar tinha queda de 0,32%, vendido a R$ 3,8204. Na véspera, a moeda norte-americana fechou em baixa de 0,38%, a R$ 3,8325.

Agenda econômica

■ Brasil

  • Relação dívida/PIB mensal (maio) – Banco Central 
  • Balanço orçamentário mensal (junho) – Banco Central 
  • Superávit orçamentário mensal (maio) – Banco Central

■ Internacional

  • EUA – IPC anual (maio)
  • EUA – PCE Deflator mensal (maio)
  • EUA – Renda pessoal mensal (maio)
  • EUA – Gastos pessoais mensal (maio)
  • EUA – PMI de Chicago mensal (junho)
  • EUA – Confiança do consumidor Michigan mensal (junho)
  • EUA – Indice Michigan de percepção do consumidor mensal (junho) 
  • EUA – Contagem de sondas Baker Hughes
  • Alemanha – Preços de bens importados Mensal (maio)
  • Reino Unido – PIB trimestral (1T)
  • Reino Unido – PIB anual (1T)
  • UE – Núcleo do índice de preços anual (maio) – PCE

Deixe um comentário