Bovespa fecha acima dos 100 mil pontos

LinkedIn

O principal indicador da Bolsa de Valores de São Paulo, o Ibovespa, fechou em alta na tarde desta quarta-feira (19), voltando a atingir os 100 mil pontos, de olho nas decisões sobre as taxas básicas de juros dos Estados Unidos e do Brasil. É a terceira vez que a bolsa atinge esse patamar – a primeira foi em março deste ano.

O índice subiu 0,9%. aos 100.303 pontos. É o maior patamar de fechamento já registrado. Antes, o recorde era de 99.993, batido em 18 de março.

Dólar

O dólar fechou em queda nesta quarta-feira (19), após o Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) deixar as taxas de juros dos EUA inalteradas. O dólar recuou 0,28%, vendido a R$ 3,8491. Na semana, a moeda dos EUA acumulou queda de 1,30%.

O Banco Central rolou integralmente o lote de US$ 2 bilhões ofertado em dois leilões de linha de moeda estrangeira nesta quarta-feira. Na véspera, a autoridade monetária também já havia rolado integralmente outro lote de US$ 2 bilhões.

O BC também realizou nesta sessão leilão de até 5,05 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de julho, no total de US$ 10,089 bilhões.

Dica ADVFN: Invista em mercados com liquidez e com mais alternativas para proteçãoAbra conta na sua primeira corretora de valores nos Estados Unidos

Deixe um comentário