Oportunidades para Startups e Fintechs brasileiras na Coreia do Sul e Alemanha

LinkedIn

Empreendedores do Brasil agora podem buscar oportunidade de aceleração e desenvolvimento de novos negócios na Alemanha e também na Coreia do Sul, de acordo com dois comunicados de imprensa recebidos no dia 03 de junho.

No caso da Coreia do Sul, estão abertas, até 14 de junho, inscrições para o K-Startup Grand Challenge, programa de aceleração para startups na Coreia do Sul, até 14 de junho. O programa terá uma duração de 3 meses e meio e os empresários terão suas despesas cobertas no país.

As 20 melhores equipes receberão uma doação adicional de aproximadamente US$ 11.000 por 3,5 meses após o período de aceleração, e terão a oportunidade de estender sua estada na Coreia para participar de um programa de estabilização. Da mesma forma, as quatro melhores startups receberão prêmios adicionais com um valor total de US$ 166.000.

Já no caso alemão, as inscrições, até 30 junho são para o Falling Walls Venture, que conta com apoio do Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH São Paulo) e é uma plataforma internacional para as mais promissoras startups ao redor do mundo que nasceram em universidades ou instituições de pesquisa.

O concurso irá selecionar 25 startups, que além de ganharem uma viagem para Berlim nos dias 8 e 9 de novembro, irão participar do Falling Walls Venture e do Falling Walls Conference, momento no qual irão apresentar um pitch (em inglês) para um júri de alto nível, formado por tomadores de decisão, representantes de grandes empresas e investidores.

Em ambos os programas de acelaração aplicações baseadas em criptomoedas e blockchain são bem vindas. As inscrições para o K-Startup podem ser feitas aqui e p ara se inscrever no Falling Walls Venture é preciso de uma carta de endossamento de uma universidade ou instituição de pesquisa. As inscrições podem ser feitas no link.

Por Cassio Gusson

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Deixe um comentário