BB deve vender 20,7 milhões de ações e espera levantar cerca de R$ 1 bilhão

LinkedIn

Investing.com – O Banco do Brasil (BOV:BBAS3) divulgou ao final da noite de ontem que, conforme informado no site do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República, manifestou a intenção de alienar a sua participação que excede o controle acionário da instituição, em um total de 20.785.200 ações.

Com a venda de até 20,78 milhões de ações do BB (BOV:BBAS3), valor excedente ao mínimo necessário para manter sua condição de acionista controlador, o governo espera levantar cerca de um bilhão de reais, afirmou a secretária do PPI, Martha Seiller.

Considerando o preço de fechamento da ação nesta quarta, de 47,35 reais, a transação movimentaria 984,2 milhões de reais, pelos cálculos da Reuters.

Em nota, o BB (BOV:BBAS3) destaca que para que o ato seja de fato realizado, vai depender de autorização do Poder Executivo.

Privatizações

Nove empresas federais serão incluídas no Plano Nacional de Desestatização (PND), anunciaram ontem os ministros chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. O governo abriu estudos ou atualizou normas para que os Correios e mais oito companhias da União sejam privatizadas (total ou parcialmente) ou firmem parcerias com a iniciativa privada.

Além dos Correios, o governo decidiu abrir estudos para privatizar a Telebras, o Porto de Santos, a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev) e o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). Também foram abertos processos de desestatização da Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores (ABGF), da Empresa Gestora de Ativos (Emgea), do Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec) e da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp).

Deixe um comentário