Bom dia, Investidor! 07 de agosto de 2019

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

GPA (BOV:PCAR4): De acordo com o Estadão, as negociações entre o fundo de private equity Advent e o Casino para a compra das operações do Grupo Pão de Açúcar no Brasil esbarraram na complexa estrutura acionária do dono do GPA. Segundo a publicação, o fundo teria oferecido um prêmio de 20% em relação ao preço atual do GPA na bolsa.

BB Seguridade (BOV:BBSE3): A BB Seguridade reportou um lucro líquido ajustado de R$ 1,087 bilhão no segundo trimestre deste ano, uma alta de 18,4%. No semestre, o lucro alcançou R$ 2,092 bilhões, crescimento de 15,1% e o maior resultado recorrente semestral da história da Companhia.

Gerdau (BOV:GGBR4): A Gerdau apresentou um lucro líquido de R$ 373 milhões no segundo trimestre deste ano, desempenho 45,6% inferior ao reportado no mesmo intervalo do ano passado. No semestre, o lucro somou R$ 825 milhões, um decréscimo de 28,1%.

BR Distribuidora (BOV:BRDT3): A BR Distribuidora assinou contrato com a CTF Technologies do Brasil, empresa do Grupo Fleetcor Technologies, por um prazo de dois anos para implementação do meio de pagamento “Cartão do Caminhoneiro” na rede de postos BR.

Petrobras (BOV:PETR3)(BOV:PETR4): A Petrobras está estudando criar uma empresa com suas termoelétricas e vendê-la por meio de uma abertura de capital. A informação foi passada por analistas, que se encontraram com a diretoria da estatal durante café da manhã da última terça-feira, 6. Em relatórios, analistas apontaram também que a estatal pode vender algumas rotas de gás que ligam o pré-sal.

Cosan (BOV:CSAN3): A companhia mexicana Femsa e a Raízen Combustível, sociedade entre a Shell no Brasil com o grupo Cosan, anunciaram na última terça-feira, 6, uma joint venture para expandir seus negócios em lojas de conveniência. A nova companhia, avaliada em R$ 1,1 bilhão, vai acelerar a expansão de lojas de postos de combustíveis e criar uma rede de lojas de proximidade com a marca Oxxo fora dos postos.

Guararapes (BOV:GUAR3): Controladora da rede varejista Riachuelo, a Guararapes apresentou lucro líquido de R$ 54,9 milhões no segundo trimestre, montante 38,4% abaixo do obtido no mesmo período do ano passado, considerando os efeitos da norma contábil IFRS 16.

Raia Drogasil (BOV:RADL3): A Raia Drogasil apresentou um lucro considerando IFRS 16 de R$ 140,745 milhões no primeiro trimestre deste ano, expansão de 13% ante o mesmo período de 2018. Já o lucro líquido ajustado registrou alta de 16,1%, para R$ 149,401 milhões.

Iguatemi (BOV:IGTA3): O Iguatemi apresentou lucro líquido de R$ 60,1 milhões entre abril e junho, despenho 0,8% abaixo do registrado no mesmo período do ano passado. O Ebitda somou R$ 137,6 milhões, alta de 3,9%. Já a margem Ebitda recuou 2,3 pontos porcentuais, a 73,4%.

Valid (BOV:VLID3): A Valid reportou lucro de R$ 6,3 milhões no segundo trimestre, em IFRS 16, montante 53,3% abaixo do registrado no mesmo período do ano anterior. O Ebitda ajustado recuou 17,5%, para R$ 63,6 milhões. A margem Ebitda, por sua vez, teve retração de 4,6 pontos porcentuais, para 13,7%.

CESP (BOV:CESP6): A elétrica CESP reportou prejuízo líquido de R$ 4 milhões no segundo trimestre de 2019, revertendo lucro de R$ 340,9 milhões de um ano antes.

Arezzo (BOV:ARZZ3): A Arezzo registrou um lucro líquido pro-forma de R$ 42,4 milhões no segundo trimestre, uma alta 27,9% na comparação anual. O Ebitda totalizou R$ 58,8 milhões, aumento de 4%, com uma margem Ebitda de 14,9% (-0,2 ponto porcentual).

Banco Pan (BOV:BPAN4): O Banco Pan reportou um lucro líquido de R$ 117,7 milhões no segundo trimestre, uma alta 179% na comparação anual e de 22% sobre o primeiro trimestre. Segundo a empresa, este foi o melhor lucro operacional já registrado pelo Banco.

Engie Brasil (BOV:EGIE3): A Engie Brasil reportou lucro líquido de R$ 385,4 milhões no segundo trimestre, desempenho 34,6% inferior ao do mesmo período do ano passado.

Terra Santa Agro BOV:(TESA3): A Terra Santa Agro reportou prejuízo de R$ 3,4 milhões no segundo trimestre, revertendo lucro de R$ 15,1 milhões do mesmo intervalo de 2018. O Ebitda atingiu R$ 19,2 milhões, queda de 82,6%. A receita líquida recuou 39,8%, para R$ 122,3 milhões.

Recomendação de ativos

Unidas: Ao avaliar como “mais um rodada de fortes resultados” para a  Unidas (BOV:LCAM3), a equipe do BTG Pactual atualizou as suas estimativas para as ações da empresa e elevou o preço-alvo em 40%. O valor saltou de R$ 45 para R$ 63 e é projetado para 2020.

Marcopolo: O Credit Suisse elevou o preço-alvo para as ações da Marcopolo (BOV:POMO4) de R$ 4,10 para R$ 4,20 após a apresentação dos resultados do segundo trimestre, mostra um relatório enviado a clientes nesta terça-feira (6). A recomendação continua em “neutra”.

Notícias

Câmara aprova Previdência em Segundo Turno… A PEC 06/2019 foi aprovada por 370 a 124 votos, em segundo turno na Câmara dos deputados, nesta madrugada (07). O resultado foi menos expressivo do que na primeira rodada, onde o placar registrou 379 votos favoráveis e 131 contrários, mas o número menor, tanto de deputados que apoiam quanto dos que rejeitam, demonstra que a alteração é resultado de quórum mais baixo (-15), em outras palavras, menos parlamentares presentes em Plenário. Entre os presentes, somente 1 ou 2 deputados devem ter alterado seus votos entre os dois turnos.

Vale ressaltar: O Ibovespa atingiu máxima histórica de 106.221 pontos no dia após à aprovação em primeiro turno na Câmara. A segunda rodada não deve impulsionar o índice de tal forma, logo que aprovação já é mais que esperada. Mesmo assim, o progresso no trâmite da PEC 06/2019 deve revigorar o apetite de investidores por ativos de risco.

Commodities

Minério de ferro:  Pelo quinto dia consecutivo, a sessão desta quarta-feira foi mais uma vez marcada pela forte desvalorização dos contratos futuros do minério de ferro, que são negociados na bolsa de mercadorias da cidade chinesa de Dalian. O ativo encerrou a jornada com queda de 5,37% a 660,50 iuanes para cada tonelada.

Petróleo: Os Futuros do Petróleo subiram durante a sessão asiática. Na bolsa mercantil de Nova York, os contratos futuros do petróleo, com vencimento em Setembro, foram negociados na entrega a US$ 53,52 por barril no momento da escrita, avançando 0,21%.

Ouro: Os contratos futuros do Ouro subiram durante a sessão asiática. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, os contratos de referência do Ouro, com vencimento em dezembro, encerraram a jornada a US$ 1.497,85 por onça troy, avançando 0,92%.

Dólar

O dólar opera em alta nesta quarta-feira (7). Às 9h15, a moeda norte-americana subia 0,3%, vendida a R$ 3,9662. Na terça-feira, a moeda norte-americana recuou 0,04%, a R$ 3,9550. Na parcial do mês, a alta é de 3,58%. No ano, a valorização é de 2,09% ante o real.

Agenda econômica

■ Brasil

  • Vendas no varejo anual (junho) – IBGE
  • Vendas no varejo mensal (junho) – IBGE
  • Vendas no varejo ampliado mensal (junho) – IBGE
  • Vendas no varejo ampliado anual (junho) – IBGE
  • Fluxo cambial semanal estrangeiro – BC

■ Internacional

  • Alemanha – Produção industral mensal (junho)
  • Reino Unido – Índice de preços de imóveis mensal (julho) – Halifax
  • China – Reservas cambiais mensal (julho)
  • Índia – Decisão da taxa de juros 
  • EUA – Pedidos de hipotecas semanais 
  • EUA – Estoques de petróleo bruto
  • EUA – Crédito ao consumidor mensal 

Termômetro B3

DESTAQUES VAR % FECHAMENTO (R$)
MRFG3  +6,83% R$ 7,35
MGLU3  +6,09% R$ 36,60
IRBR3  +5,86% R$ 97,00
KLBN11 -1,35% R$ 15,35
PCAR4  -0,90% R$ 92,16
USIM5  -0,61% R$ 8,17

Deixe um comentário