Confira as recomendações da Mirae Asset para setembro

LinkedIn

A Mirae Asset divulgou no inicio desta semana, a nova composição da sua carteira recomendada de setembro. Para o mês, os papéis da Cemig (BOV:CMIG4), CTEEP (BOV:TRPL4), Cosan (BOV:CSAN3) e Pão de Açúcar (BOV:PCAR4) deixam o portfólio para darem espaço para as entradas de Banrisul (BOV:BRSR6), Bradesco (BOV:BBDC4), Engie  Brasil (BOV:EGIE3) e Kroton (BOV:KROT3).

Desempenho

No mês anterior, a carteira Meta registrou queda de 0,2%, ficando um pouco acima dos 0,7% negativos do Ibovespa no período. A maior valorização ficou por contada JBS, com 19%, sendo que Usiminas (BOV:USIM5) teve o pior desempenho, ao recuar 9,7%.

Composição

Para o mês de setembro, a Mirae Asset aposta nos ativos do Banrisul (BOV:BRSR6), Bradesco (BOV:BBDC4), Engie (BOV:EGIE3) Brasil, JBS (BOV:JBSS3), Kroton (BOV:KROT3), MRV (BOV:MRVE3), Petrobras (BOV:PETR4), Usiminas (BOV:USIM5), Vale (BOV:VALE3) e Via Varejo (BOV:VVAR3). 

Carteira de Dividendos

Em setembro, a Mirae indica os ativos do Banrisul (BOV:BRSR6), B3, Cemig (BOV:CMIG4), EDP (BOV:ENBR3) do Brasil, Engie (BOV:EGIE3), Itaúsa (BOV:ITSA4), MRV (BOV:MRVE3), Porto Seguro (BOV:PSSA3), Taesa (BOV:TAEE11) Unit e CTEEP (BOV:TRPL4).

Deixe um comentário