Toro Investimentos divulga carteira recomendada de outubro

LinkedIn

A Toro Investimentos divulgou nesta terça-feira (1º) a atualização da carteira recomendada para outubro, composta por cinco ativos.

Para outubro, a corretora acredita que o movimento comprador observado anteriormente deva continuar, dessa vez sustentado pelas tramitações previdenciárias previstas para o início do mês. Além disso, falas menos agressivas tanto dos Estados Unidos quanto da China podem sinalizar a proximidade de um acordo em relação à guerra comercial.

Dessa forma, a equipe selecionou ativos que já apresentam uma tendência de alta consolidada além de ações que tendem a performar melhor que o Ibovespa ao longo deste mês.

Desempenho

As recomendações da corretora tiveram queda de 0,4% em setembro, contra ganhos de 3,6% do Ibovespa. No acumulado de 12 meses, o rendimento da carteira da corretora vence o índice de referência de 97,6% a 66,5%. Já a carteira protegida cedeu 1,4%, mas acumula ganhos 77,3% em 12 meses.

 

Carteira recomendada

Para o mês, a Toro Investimentos aposta nos ativos da Equatorial (BOV:EQTL3), IRB Brasil (BOV:IRBR3), Rumo (BOV:RAIL3), Suzano (BOV:SUZB3) e Via Varejo (BOV:VVAR3).

Carteira Mensal Protegida

A carteira mensal protegida tem como objetivo oferecer aos investidores uma modalidade com limite de perda, evitando as fortes oscilações que podem ocorrer no curto espaço de tempo. Nesse formato, sugerimos em todos os ativos que compõem a carteira preço de stop e objetivo, os quais devem ser seguidos pelos investidores que desejam realizar os lucros mensais e limitar os prejuízos. A composição é a mesma da mensal, mas com proteção.

Composição

A Carteira Mensal Protegida é composta pelos ativos da Equatorial (BOV:EQTL3), IRB Brasil (BOV:IRBR3), Rumo (BOV:RAIL3), Suzano (BOV:SUZB3) e Via Varejo (BOV:VVAR3). 

Deixe um comentário