Bitcoin: 6 coisas que você precisa saber antes de comprar

LinkedIn

O Bitcoin é a criptomoeda mais conhecida do mundo. Mas muita gente ainda não sabe de nada quando se trata de conhecer os detalhes da primeira criptomoeda.

Bitcoin, o que é isso?

É uma moeda na forma digital que permite aos usuários negociarem entre si, sem a intermediação de um terceiro envolvido, com uma certa quantidade de anonimato. A razão pela qual está ficando popular e por ser uma moeda segura que pode ser negociada globalmente.

Para muitas pessoas, é difícil acreditar que um único Bitcoin pode valer centenas de dólares. Elas não sabem que isso é possível, devido o Bitcoins ser um bem escasso e finito pois só existiram 21 milhões para ser preciso. Então por isso, com o passar do tempo, ficará muito mais difícil minerar, sendo essa a principal razão pela qual o Bitcoin chegam a custar tão caro.

Vale destacar que a melhor característica do Bitcoin é que ele é divisível e pode ser enviado para qualquer lugar do mundo com uma taxa muito baixa. Como não existe um órgão de administração, ele é independente do monopólio corporativo. Adeus Bancos!

Bitcoin é permitido no seu país?

Não existe um órgão responsável por gerenciar o Bitcoin. E é por isso que a maioria dos governos condena o Bitcoin. Vale destacar que, se mais e mais pessoas começarem a usar Bitcoins, o valor da moeda fiduciária diminuirá.

Esta é a razão pela qual muitos países em todo o mundo proibiram o uso de Bitcoin e outras criptomoedas. Se isso acontecer, as instituições financeiras se tornarão inúteis e o poder do governo será reduzido significativamente.

É muito importante saber se o uso do Bitcoin é legal no seu país antes de investir nele. Caso contrário, você estará convidando ações legais estritas que podem até colocá-lo atrás das grades. Aqui no Brasil é totalmente legalizado comprar e vender Bitcoin, só fique atento em supostas empresas de investimento que na verdade só querem aplicar golpes.

Como o Bitcoin funciona?

Não nego, é um pouco difícil entender o conceito do Bitcoin, a menos que você seja um super gênio. Muito gente não quer investir em Bitcoin porque considera um processo muito complicado. No entanto, se você tentar entender o básico, perceberá que o processo não é tão difícil de entender.

Para explicar em termos simples, o Bitcoin funciona na tecnologia blockchain. A blockchain é um registro público compartilhado que contém transações de Bitcoin confirmadas, incluindo a adição de novos Bitcoins.

Sempre que um usuário faz uma transação, ou seja, envia ou recebe Bitcoin, a transação é verificada na blockchain. Blockchains são como os livros físicos mantidos por instituições financeiras. A única diferença é que eles são mantidos pelo público e qualquer pessoa com acesso a eles pode ter acesso as transações.

A blockchain ajuda a evitar roubos e gastos duplos. Também ajuda o usuário a ter confiança no sistema.

Bitcoin é extremamente volátil

O preço do Bitcoin muda muito rápido. Pode haver fortes oscilações ao longo dia, o preço é influenciado por vários fatores de mercado.

O principal fator de influência é a lei da oferta e demanda. Em palavras simples, se a demanda por comprar Bitcoin aumentar, o preço do Bitcoin também aumentará. Ele também age ao contrário, ou seja, se houver mais pessoas dispostas a vender seus Bitcoins, o preço cairá.

É extremamente difícil prever a movimentação de preço do Bitcoin. Devido a essa imprevisibilidade, torna-se muito arriscado investir neles. Portanto, não invista a menos que tenha conhecimento completo sobre operações de trading. Sem uma boa base de negociação, você pode perder todo seu dinheiro para o mercado.

O Bitcoin não é regulamentado por nenhuma agência. Suas ações não são negociadas em Wall Street. O preço é, portanto, desregulado e flutua constantemente. Se você não gosta de riscos, definitavamente o Bitcoin não é pra você.

Bitcoin “não” é anônimo

No passado por desconhecerem o Bitcoin, as pessoas estavam mais suscetíveis a acreditar em informações incorretas sobre a criptomoeda. O equívoco mais comum entre muitos entusiastas é que se pode transferir dinheiro através de Bitcoins de maneira anônima. Mas, a realidade é completamente diferente.

Qualquer pessoa com acesso a rede Blockchain pode visualizar qualquer transação que foi realizada utilizando Bitcoin. Seu endereço público é, portanto, visível para qualquer pessoa com acesso a Internet.Toda transação que um usuário transmite, seja ela ao enviar ou receber Bitcoin, incluindo o saldo da sua conta atual, é visível.

As transações de Bitcoin são transmitidas aleatoriamente por redes ponto a ponto, tornando-as aparentemente anônimas. Mas numa investigação mais minuciosa qualquer pessoa que puder conectar os vários nós e corresponder o endereço público ao seu nome pode rastrear a transação e chegar até você.

Não há sequer uma dica de anonimato ao realizar transações via Bitcoin. Se você deseja fazer transações anônimas, precisará procurar criptomoedas com ofereçam essa possibilidade, como a Dash.

Aprenda como proteger seus Bitcoins

Assim como qualquer outro item valioso, o Bitcoin chama a atenção de golpistas querendo “arrancar” ele de você. Portanto antes de comprar Bitcoin, é necessário aprender a proteger suas criptomoedas, a fim de está prevenido contra hackers, golpistas e até algum erro cometido por você mesmo. Aprender sobre como proteger seus Bitcoins é de extrema importância, porque se você for enganado por um golpista e perder seus Bitcoins, ou perder o acesso a sua carteira, sem ter feito um backup, as criptomoedasdesaparecerão para sempre. Não há como recuperá-las.

Se você está investindo um valor razoável em Bitcoin, use carteiras on-line conhecidas e que são vistas como seguras, criadas com a máxima segurança, como a CoinBase. O Bitcoin só deve ser mantido em carteiras que você pode controlar completamente.

Mesmo usando uma carteira on-line conhecida por ser segura, isso não é suficiente. Você precisa garantir que o backup de sua carteira esteja ativo caso algo aconteça.

A melhor maneira de proteger Bitcoin é armazená-los em uma hardware wallet. Uma carteira de hardware protegerá suas chaves privadas em um dispositivo de hardware dedicado e seguro. Isso garantirá que a carteira onde estão suas criptomoedas esteja protegida contra hackers que poderiam usar algum software malicioso para corromper seus arquivos. A melhor carteira de hardware disponível no momento é a Trezor e Ledger Nano X.

Siga estes 6 pontos, tenho certeza de que você será bem sucedido investindo em Bitcoin.

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Deixe um comentário