Enauta divulga balanço do quarto trimestre com queda de 18,5% no lucro

LinkedIn

A petroleira Enauta Participações (BOV:ENAT3) teve lucro líquido de R$ 102,1 milhões no 4º trimestre de 2019, representando queda de 18,5% ante o valor em igual período de 2018, segundo demonstrações financeiras enviadas à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) na noite de quarta-feira (11). O valor refere-se ao atribuível aos controladores.

A receita líquida teve incremento de 35,4% no último trimestre de 2019, na comparação anual, para R$ 404,4 milhões. A produção total aumentou 35% entre os dois períodos, sendo uma alta de 125% na produção de óleo e um recuo de 6% na de gás.

O Ebitdax (lucro antes do imposto de renda, contribuição social, resultado financeiro e despesas de amortização, e mais despesas de exploração com poços secos ou subcomerciais) teve aumento de 62,2%, para R$ 259,1 milhões, entre os dois períodos, com margem de 64,1%, ante 53,5% no último trimestre de 2018.

A produção total da companhia atingiu 2,5 milhões de barris de óleo equivalente (boe) na base trimestral, crescendo 35% comparado com o fim de 2018. Na análise do acumulado, a quantidade produzida subiu 10%, totalizando 7,2 milhões de boe.

Além do desempenho financeiro, a Enauta divulgou a proposta de distribuição de R$ 300 milhões em dividendos para o exercício de 2019. O montante inclui o dividendo mínimo estipulado no estatuto social da companhia, e está sujeito à aprovação da assembleia em 16 de abril de 2020.

Sobre a atual situação da companhia, a Enauta disse que compreende que o cenário traz uma volatilidade maior para seus negócios, especialmente no curto prazo.

“Olhando para o médio e longo prazos, tendo em vista as últimos licitações e o reposicionamento do governo com relação às condicionantes econômicas e contratuais das licitações, a empresa poderá rever suas perspectivas com relação a uma possível entrada no pré-sal, visando melhores condições e/ou a realização de aquisições oportunísticas”, completou.

Enauta pagará R$ 300 milhões em dividendos a acionistas

O conselho de administração da Enauta (BOV:ENAT3) aprovou a distribuição de R$ 300 milhões de reais em dividendos a acionistas ou equivalente a R$ 1,14 por ação ordinária, segundo fato relevante desta quarta-feira (11). O valor tem como referência o resultado da empresa em 2019.

“No valor acima proposto está inclusa a distribuição do dividendo obrigatório no valor de R$2.046,91 e a distribuição adicional no montante de R$204.688.663,71, referente ao lucro do exercício, e R$ 95.309.289,39 referente a lucro de exercícios anteriores”, explica o comunicado.

 A operação está sujeita à aprovação da assembleia, convocada para o dia 16 de abril de 2020.

 

 

Deixe um comentário