NotreDame divulga lucro de R$ 131,4 milhões no quarto trimestre e anuncia R$ 100 milhões em dividendos

LinkedIn

O lucro da NotreDame Intermédica (BOV:GNDI3) avançou 2,3% no quarto trimestre de 2019, em base anual, para R$ 131,4 milhões. A operadora de saúde teve aumento na receita, melhora operacional e alta das receitas financeiras, mas o crescimento acabou sendo limitado pelo avanço de 114% nas despesas financeiras e de 492% no valor gasto com imposto de renda e contribuição corrente.

O balanço foi divulgado na noite de 20 de fevereiro.

Na comparação anual, a receita cresceu 42%, somando R$ 2,3 bilhões.

O resultado operacional, antes do financeiro, avançou 47,9%, para R$ 286,7 milhões. A receita financeira cresceu quase 70%, para R$ 50,1 milhões, mas as despesas cresceram mais de 100%, a R$ 115,1 milhões.

O EBTIDA,  lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, aumentou 59%, para R$ 358,1 milhões. Em termos ajustados, o Ebitda foi de R$ 395,3 milhões.

Dividendos

A Notre Dame Intermédica Participações (GNDI3) aprovou, em assembleia geral, a distribuição de R$ 100,6 milhões como dividendos mínimos obrigatórios, referentes a 25% do lucro líquido apurado em 2019.

A cifra corresponde a R$ 0,1667 por ação. Segundo o aviso publicado pela companhia, para calcular quanto cada acionista receberá, será considerada a posição acionária desta quarta-feira (25). A partir desta quinta (26), portanto, as ações serão consideradas ex-dividendos, isto é, sem direito a receber.

O conselho de administração ainda não determinou a data do pagamento.

BlackRock aumenta participação acionária na NotreDame para 5,07%

A BlackRock aumentou sua participação acionária na NotreDame Intermédica (GNDI3) para 5,07%, informou a companhia por meio de comunicado enviado ao mercado no dia 03 de março.

Com isso, a gestora passou a deter 30 milhões de ações ordinárias da empresa.

Deixe um comentário