JSL (JSLG3): Com criação de Holding, BTG Pactual enxerga upside de 52,67%

LinkedIn

A JSL (BOV:JSLG3) tem mostrado resultados em seu plano de reestruturação corporativa com a a criação de uma holding pura, que controlaria todos os negócios e transformaria a divisão de logística em uma nova subsidiária.

A recomendação do banco continua como compra, com preço-alvo R$ 24,00. Considerando o preço de fechamento de ontem (13), o papel tem potencial de upside de 52,67%, segundo analistas do BTG Pactual.

A equipe de análise do banco reafirmou a visão de resiliência que tem sobre a empresa, dado o aumento da força de sua liquidez e o bom nível de vendas em contratos de longo prazo.

A empresa não tem planejado quaisquer investimentos adicionais, e passou a focar mais em melhorar sua liquidez por meio da negociação de extensões de linhas de crédito com bancos e da redução de aproximadamente 30% da folha de pagamento.

“A administração disse que isso faz parte da restrição corporativa iniciada alguns anos atrás, quando começaram a cisão de suas unidades de negócios”, comentou o analista Lucas Marquiori.

O CFO da companhia, Denys Ferrez, explicou que a JSL tem adotado iniciativas para melhorar o balanço patrimonial, incluindo o aumento da posição de caixa para R$ 4,2 bilhões. E essas medidas trazem uma combinação atrativa de crescimento, desalavancagem e lucratividade.

 

Deixe um comentário