IBM confirma demissão em massa de funcionários e blockchain pode ser o ‘culpado'

LinkedIn

A IBM, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, confirmou que está realizando demissões em massa em todo o mundo.

Contudo, embora a empresa não tenha informado em quais setores está realizado as demissões, fontes indicam que o setor de blockchain da empresa também será afetado.

Segundo a empresa a IBM está se reestruturando sob a chefia do novo CEO, Arvind Krishna.

“…um mercado altamente competitivo exige flexibilidade para remisturar constantemente habilidades de alto valor, e as decisões da IBM sobre a força de trabalho são tomadas no interesse de longo prazo de seus negócios”, disse um porta-voz da empresa.

Blockchain não deu certo

Embora a IBM não tenha revelado os motivos e nem a quantidade das demissões, especialistas apontam que o “fracasso” da empresa em entrar no setor de blockchain pode ser um dos grandes responsáveis.

Pelo menos esta é a opinião de Holger Mueller, analista da Constellation Research.

Para Mueller, a situação é pior do que parece e os investimentos da gigante de comunicação feitos em blockchain, IBM Cloud e Watson não “deram certo”.

Ainda segundo ele, a pandemia do coronavírus também pode ter sua parcela de responsabilidade na demissão atual.

Já para Patrick Moorhead, analista principal da Moor Insights & Strategy, tudo é especulação.

Morhead argumenta que a empresa estaria dispensando pessoal que não possui as habilidades necessárias mas contratando novos profissionais para as vagas.

Segundo a Bloomberg as demissões devem ocorrer no mundo todo e serão mais de 1 mil funcionários dispensados.

A IBM destacou que todos os funcionários demitidos ainda terão suas despesas médicas pagas até junho de 2021.

Por Cassio Gusson

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Deixe um comentário