Ser Educacional (SEER3): R$ 300 milhões para reforço de caixa

LinkedIn

A Ser Educacional contratou R$ 300 milhões de financiamento junto aos bancos Itaú Unibanco e Santander, com a finalidade de reforço de caixa, como forma de prevenção contra impactos financeiros causados pela COVID-19.

O fato relevante foi divulgado pela empresa (BOV:SEER3) após o fechamento do mercado na última quinta-feira (30).

Os encargos financeiros do empréstimo com o Itaú, no valor de R$ 200 milhões, são de CDI Cetip, acrescido de taxa de juros de 3,40% e a garantia é o Instituto Campinense de Ensino Superior (ICES), subsidiária da companhia.

No financiamento de R$ 100 milhões com o Santander, a condição é CDI Cetip, mais juros de 3,1% e a garantia é a Cenesup.

Ambos os financiamentos têm um prazo de dois anos, com vencimento em abril e 2022.

Em 2020, as ações da empresa de educação caíram 38,74%. A empresa divulga os resultados do primeiro trimestre no dia 13 de maio.

Deixe um comentário