Bom dia ADVFN - Presidente do BCE diz que pior já passou

LinkedIn
Esse é o Bom dia, Investidor! 26 de junho de 2020, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

As declarações da presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, sobre o pior da crise já ter passado, contribui para o otimismo e os mercados europeus operam em terreno positivo nesta sexta-feira mesmo com o ressurgimento dos casos do novo coronavírus em alguns países.

“Provavelmente já ultrapassamos o ponto mais baixo e digo que com alguma apreensão porque é claro que podemos ter uma segunda onda”, disse Largarde em conferência virtual do “Northern Light Summit”.

Ela afirmou ainda que o não mundo será o mesmo após a pandemia e que é necessário será “extremamente atentos aos que são mais vulneráveis”.

Na Ásia, o Nikkei 225, de Tóquio, fechou em alta de 1,13% e o Hang Seng Index, de Hong Kong, caiu 0,93%. Já o índice Sanghai SE não operou devido a um feriado na China.

Os preços do petróleo sobem nesta sexta-feira, ampliando os ganhos do dia anterior com otimismo em relação à recuperação da demanda mundial de combustíveis, apesar do aumento nas infecções por coronavírus em alguns estados dos EUA e das indicações de um renascimento na produção de petróleo nos EUA. A Russia disse que vai cortar 40% das suas exportações.
O WTI (NYMEX:CL\Q20) está sendo negociado a US$ 39,04, com alta de +0,8%. Os futuros internacionais de petróleo Brent (NYMEX:BZ\Q20) operam também em alta de +1,0%, negociados a US$ 41,47.
Não houve negociação dos contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian devido ao feriado chinês.
Bitcoin é negociado em alta de +1,49%, a US$ 9.233 e o ouro tem alta de +0,2%, negociado a US$ 1.765.

Conheça o Telegram ADVFN e fique por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro. 

Coronavírus

Com o ressurgimento dos casos de coronavírus em regiões que reabriram sua economia, foi registrado mais de 37 mil casos de Covid-19 nos Estados Unidos em um só dia, o maior número já registrado. A maior economia do mundo tem mais de 2,4 milhões de contaminados.

O mundo registra 9.619.573 de casos de coronavírus e 489.556 mortes, confirmadas hoje pela Universidade Johns Hopkins.

O Brasil teve 1.141 novas mortes registradas em função da covid-19 registrados nas últimas 24 horas, de acordo com atualização do Ministério da Saúde divulgada ontem (25). Com esses acréscimos às estatísticas, o país chegou a 54.971 óbitos em função da pandemia do novo coronavírus.

O balanço também teve 39.483 novos casos registrados, totalizando 1.228.114. São Paulo bateu novo recorde de infectados por coronavírus nas últimas 24h: foram 9.765 casos, com 407 mortes, total de 13.759 óbitos e 248.587 contaminados – mais do que a Itália.

Brasil

Uma semana após a prisão de Queiroz, Bolsonaro volta à cena política diferente do Bolsonaro que todo mundo conhece. O presidente andava recolhido nos últimos dias e, nesta 5ªF, o milagre se revelou em uma sucessão de atos e atitudes, como a homenagem às vítimas da covid-19 em sua live, quando mandou tocar a Ave Maria para os 55 mil brasileiros mortos. Antes, falou de “harmonia e cooperação entre os Poderes”, tirou olavistas do MEC e sinalizou que pode nomear um médico para a Saúde.

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, na tarde desta quinta-feira (25), que o professor Carlos Alberto Decotelli da Silva será o novo ministro da Educação. O decreto de nomeação foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União. Em uma postagem nas redes sociais, Bolsonaro destacou a formação acadêmica do novo ministro. 

“Decotelli é bacharel em Ciências Econômicas pela UERJ, mestre pela FGV, doutor pela Universidade de Rosário, Argentina, e pós-doutor pela Universidade de Wuppertal, na Alemanha”, escreveu o presidente.

O presidente afirmou que o auxílio emergencial vai pagar um adicional de R$ 1,2 mil, que serão divididos em três parcelas.

“Vamos partir para uma adequação. Deve ser, estamos estudando, R$ 500, R$ 400 e R$ 300”, afirmou o presidente durante sua live semanal nas redes sociais. Ele estava ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, que também confirmou que a terceira parcela do auxílio emergencial, no valor de R$ 600, começa a ser paga no sábado (27).

Bolsonaro também disse que espera que a economia possa ser retomada e defendeu a reabertura das atividades comerciais. “A gente apela aos governadores e prefeitos, com a responsabilidade que é pertinente de cada um, que comecem a abrir o mercado, abrir para funcionar”, afirmou.

 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, também participou da live e disse acreditar que o Brasil tem condições de surpreender o mundo e se recuperar em forma de “V”. Guedes também afirmou achar que o Fundo Monetário Internacional (FMI) vai errar sua estimativa para a atividade brasileira neste ano.

Ibovespa e dólar de ontem

O Ibovespa fechou em 95.983,09 pontos, alta de 1,70%. O volume financeiro permaneceu fraco: R$ 23,2 bilhões.

Maiores altas do Ibovespa
CCRO3 +9,03% R$ 15,70
WEGE3 +6,88% R$ 49,22
ECOR3 +5,75% R$ 13,42
SULA11 +4,99% R$ 46,47
GOLL4 +4,99% R$ 19,15

Maiores baixas do Ibovespa
CVCB3 -2,56% R$ 18,28
BRKM5 -1,68% R$ 23,39
MRFG3 -1,55% R$ 12,71
BEEF3 -1,52% R$ 12,95
SUZB3 -1,35% R$ 38,08

O setor bancário foi um dos pontos positivos do dia após a retirada na medida provisória 944 do aumento de 4% para 7,6% do Cofins. A WEG, que teve preço-alvo elevado pelo BTG Pactual e a CCR, que tem interesse em entrar no setor de água e esgoto, também se destacaram.

No câmbio, o dólar à vista encerrou em leve alta de +0,19%, a R$ 5,3344. O dólar futuro subiu 0,13%, a R$5,356, seguindo o DXY, que repercutiu receios com a segunda onda de Covid-19.

A volatilidade tomou conta do câmbio em mais um pregão. Como fatores positivos, houve o leilão em linha de US$1,5 bilhão e a fala mais otimista sobre o PIB do presidente do BC, Roberto Campos Neto, que, por outro lado, também disse que o câmbio é flutuante, e pesou na divisa.

Nem o RTI, nem a entrevista de Campos Neto e Fábio Kanczuk, mais cedo, ajudaram a definir as apostas para o próximo Copom, em agosto. O mercado continua dividido entre um corte de 25 pontos-base, para 2%, e a estabilidade, em 2,25%. O presidente do BC admitiu apenas que ainda há espaço para a política monetária, sem mencionar cortes. No fechamento, a taxa do contrato para jan/21, que projeta a Selic para o final do ano, estava a 2,050% (de 2,049%).

Agenda Econômica

A semana chega ao fim trazendo, no Brasil, dados sobre a confiança do comércio neste mês e os números do BC sobre as operações de crédito. Nos EUA, saem dados sobre a renda pessoal e os gastos com consumo, além da versão revisada do índice de confiança do consumidor norte-americano.

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓 26/06

🇧🇷 Variação do estoque de crédito total mensal (09h30)
🇧🇷 Taxa de inadimplência recursos livres mensal (09h30)
🇺🇸 Gastos pessoais mensais (09h30)
🇺🇸 Renda pessoal mensal (09h30)
🇺🇸 Índice de preços do PCE mensal/anual (09h30)
🇺🇸 Núcleo índice de preço do PCE mensal/anual (09h30)
🇺🇸 Confiança do consumidor Michigan mensal (11h00)
🇧🇷 Aneel – Definição da bandeira tarifária de julho (12h43)
🇺🇸 Contagem de sondas Baker Hughes (14h00)

 

Deixe um comentário