Bom dia ADVFN - Feriado nos Estados Unidos e preocupação com o avanço do coronavírus

LinkedIn
Esse é o Bom dia, Investidor! 03 de julho de 2020, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Com as bolsas de Nova York fechadas hoje, por causa do feriado amanhã nos Estados Unidos pelo Dia da Independência, o mercado financeiro perde muito do referencial e deve ter uma sessão arrastada ao longo do dia.

Os novos casos de covid-19 continuam aumentando nos EUA, com 55 mil infecções por coronavírus em um único dia, cravando o terceiro recorde de contágios diários nesta semana. Os diagnósticos se espalham pelo país, com quase 40 estados mostrando aceleração da doença.

Na Ásia, o pregão foi mais agitado porque refletiu os ganhos da véspera em Wall Street, após os dados fortes sobre emprego nos EUA e relatos positivos sobre possíveis vacinas e tratamentos contra o coronavírus. O destaque ficou com a alta em Xangai (+2%), reagindo também ao avanço do índice dos gerentes de compras (PMI) do setor de serviços na China para o maior nível em dez anos, a 58,4 em junho, de 55 em maio, segundo o Caixin.

Hong Kong, por sua vez, subiu menos (+0,8%), monitorando a tensão entre EUA e China desde a aprovação pelo governo chinês da Lei de Segurança Nacional para a ex-colônia britânica. O presidente Donald Trump deve assinar sanções aprovadas pelo Senado e Pequim promete retaliar.

O Nikkei 225, de Tóquio, registrou alta de 0,72%, mas o Hang Seng Index, de Hong Kong, subiu 0,99%. Já o índice Sanghai SE avançou 2,01%.
Na Europa, a sexta-feira também começou com reviravoltas políticas, com o primeiro-ministro da França, Edouard Philippe, renunciando ao cargo. Na França, o presidente é selecionado pelo primeiro-ministro e é responsável pela formação do governo. O gabinete de Emmanuel Macron afirmou que o atual governo permaneceria encarregado de assuntos governamentais até que uma nova equipe seja formada.
As Bolsas europeias operam majoritariamente em terreno negativo nesta sexta-feira, com os investidores  avaliando os riscos de uma nova aceleração das infecções pelo novo coronavírus.

Os preços do petróleo caem nesta sexta-feira, com o ressurgimento do coronavírus globalmente e nos Estados Unidos, o maior consumidor de petróleo do mundo, diminuindo as perspectivas de recuperação da demanda de combustível.

O WTI (NYMEX:CL\Q20) está sendo negociado a US$ 39,92, com alta de -1,8%. Os futuros internacionais de petróleo Brent (NYMEX:BZ\U20) também operam em queda de -1,0%, negociados a US$ 42,36.
Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian fecharam em alta de 0,67%, cotados a 746.500 iuanes, equivalente hoje a US$ 105,63.
Bitcoin é negociado em queda de -0,25% a US$ 9.067. O ouro é negociado a US$ 1.785 por onça-troy.

Conheça o Telegram ADVFN e fique por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro. 

Coronavírus

Segue a preocupação com o avanço do novo coronavírus, principalmente nos Estados Unidos. Na quinta-feira, foram reportados mais de 55 mil novos casos em território americano.

A partir de 6 de julho, viajantes de 29 países que quiserem ir à Suíça terão que se registrar com as autoridades e se autoisolar para evitar um ressurgimento do coronavírus, anunciou o governo suíço nessa quinta-feira (2).

A lista inclui, entre outros, os Estados Unidos, a Suécia, o Brasil e a Rússia, que foram classificados como países com alto risco de infecção.

O mundo registra 10.889.434 de casos de coronavírus e 521.669 mortes, confirmadas hoje pela Universidade Johns Hopkins.

O Brasil tem 1.496.858 casos confirmados acumulados desde o início da pandemia de covid-19 e 61.884 mortes pela doença, segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde, divulgados nesta quinta-feira (2). Nas últimas 24 horas, 1.252 óbitos e 48.195 casos confirmados foram agregados às estatísticas.

Do total de infectados até o momento, 852.816 pessoas se recuperaram da doença e 582.158 pacientes ainda estão em acompanhamento. Há ainda 3.931 mortes em investigação.

Ontem (1º), o balanço do Ministério da Saúde trazia 60.632 falecimentos e 1.488.753 casos acumulados; sendo que de terça-feira (31) para quarta-feira, foram agregados 1.038 óbitos e 46.712 novos casos.

Os estados com mais mortes são São Paulo (15.351), Rio de Janeiro (10.332), Ceará (6.284), Pará (5.004) e Pernambuco (4.968). As unidades da Federação com menos óbitos são Mato Grosso do Sul (91), Tocantins (209), Roraima (354), Santa Catarina (362) e Acre (378).

A capital paulista deve reabrir, parcialmente, bares, restaurantes e salões de beleza na próxima segunda-feira (7). O anúncio deverá ser feito hoje durante a coletiva em que o governo de São Paulo vai explicar a próxima fase da quarentena no estado.

Brasil

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, com vetos, a lei que obriga o uso de máscaras em todo o país. Bolsonaro manteve obrigatório o uso em vias públicas, veículos de aplicativos, ônibus, aeronaves e embarcações coletivas. Já em estabelecimentos comerciais, igrejas, escolas e locais fechados, não será obrigatório usar a máscara. O Congresso Nacional pode aceitar ou derrubar o veto presidencial.

O presidente também afirmou nesta quinta-feira (2) que vai vetar pontos do Projeto de Lei (PL) 2.630/2020, conhecido como PL das Fake News, se a versão aprovada pelo Senado for mantida…

O Senado aprovou ontem (2) a Medida Provisória (MP) 931/2020, que autoriza as sociedades anônimas (SAs) a estender o prazo para realização de assembleia geral ordinária de acionistas ou sócios, em sete meses, contados do término do seu exercício social. A matéria já havia sido aprovada pela Câmara e agora segue para sanção presidencial.

A MP afasta a necessidade de contato presencial dos sócios nas assembleias e reuniões por sete meses, colaborando para diminuir a disseminação do novo coronavírus, causador da covid-19…

No STF, o ministro Celso de Mello vai decidir se o presidente vai depor por escrito ou pessoalmente no inquérito que investiga suposta interferência na Polícia Federal…

Fabrício Queiroz prestou depoimento nesta tarde no Complexo Penitenciário de Bangu, no Rio. Os procuradores do MPF apuram detalhes do suposto vazamento da Operação Furna da Onça, que teria beneficiado Jair Bolsonaro nas eleições de 2018. O Procurador da República Eduardo Benones afirma que está convencido de que houve vazamento da operação Furna da Onça em 2018…

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e a esposa, Fernanda Nantes, terão que prestar depoimento ao Ministério Público do Rio de Janeiro no inquérito que apura crimes de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj)…

A operação Lava Jato em São Paulo denuncia o senador José Serra e a filha dele, Verônica Allende Serra, por corrupção. A operação Revoada apura o funcionamento de um esquema de lavagem de dinheiro no exterior, em favor de agentes políticos e outros operadores. A Polícia Federal cumpre mandados, nesta sexta-feira (3), em São Paulo e no Rio de Janeiro…

Ibovespa e dólar de ontem

O Ibovespa fechou estável (+0,03%), aos 96.234,96 pontos, com volume de R$ 26,9 bilhões.

Maiores altas do Ibovespa
BPAC11 +2,97% R$ 78,77
CSNA3 +2,55% R$ 10,86
GOAU4 +2,26% R$ 7,23
JBSS3 +1,96% R$ 21,30
GGBR4 +1,94% R$ 15,78

Maiores baixas do Ibovespa
IRBR3 -12,24% R$ 8,96
GNDI3 -3,93% R$ 65,60
VVAR3 -3,75% R$ 15,39
HAPV3 -3,62% R$ 60,71
BTOW3 -3,56% R$ 108,03

O dólar fechou em alta de 0,55% fechando a R$ 5,3472.

 

Agenda Econômica

A semana chega ao fim com um feriado nos EUA pelo Dia da Independência (Independence Day), o que esvazia a liquidez nos mercados globais. Ainda assim, merecem atenção as leituras finais dos índices PMI sobre a atividade nos setores industrial e de serviços na zona do euro.

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓 03/07

🇩🇪 PMI serviços mensal (04h55)
🇩🇪 PMI composto mensal (04h55)
🇪🇺 PMI composto mensal (05h00)
🇪🇺 PMI serviços mensal (05h00)
🇬🇧 PMI serviços mensal (05h30)
🇧🇷 PMI composto Markit mensal (10h00)
🇧🇷 PMI serviços Markit mensal (10h00)
🇺🇸 Estados Unidos – Feriado do Dia da Independência

 

Deixe um comentário