Procon-SP multa Burger King, McDonald’s e Mercado Pago em R$ 25 milhões

LinkedIn

O Procon-SP multou em R$ 25 milhões as redes Burger King e McDonald’s e a empresa Mercado Pago por não cumprirem a promessa de desconto feita durante Black Friday do ano passado.

Segundo o órgão, a oferta das três empresas prometia preços especiais para quem comprasse os lanches utilizando o aplicativo e com o QR code do Mercado Pago.

Em 29 de novembro, na data em que se realizou a Black Firday no Brasil, no entanto, o sistema do Mercado Pago ficou indisponível em várias lojas, segundo o Procon-SP, o que impossibilitou “o pagamento com desconto e, consequentemente, impedindo que muitos consumidores usufruíssem da oferta feita pelas empresas.”

Além disso, o aplicativo do McDonald’s, que integrava a promoção e era necessário para obter os descontos na compra dos lanches, também apresentou instabilidade, de acordo com o órgão.

Procurado, o MercadoPago confirmou a instabilidade nas transações com QR code durante a Black Friday de 2019, mas diz que vai “apresentar defesa junto ao Procon para demonstrar que não houve infração às normas de defesa do consumidor”. Segundo a empresa, “aproximadamente 85% das transações foram concluídas e aprovadas durante a Black Friday e o período promocional.”

Em nota, a Arcos Dourados, operadora do McDonald’s no Brasil, informou que “a companhia recebeu com surpresa a autuação do Procon-SP” e que “todas as medidas necessárias para questionar a multa serão tomadas”. Já a rede Burger King afirma “que recebeu a notificação do Procon referente a Black Friday e está analisando o conteúdo recebido para tomar as medidas cabíveis.”

Conheça o Telegram ADVFN e fique por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro. 

Deixe um comentário