Bitcoin ultrapassa US$ 12 mil pela primeira vez em um ano

LinkedIn

O preço da criptomoeda bitcoin chegou a US$ 12 mil pela primeira vez desde agosto do ano passado, segundo mostraram dados de negociação deste domingo (2).

Neste momento, o Bitcoin (COIN:BTCUSD) está sendo negociado a US$ 11.090, ainda com valorização de 12,91%. Pelo preço da paridade, a criptomoeda é negociada no Brasil a R$ 58.036.

Conversor de Criptomoeda gratuito  e Alerta de rompimento de cripto

No inicio da madrugada, o bitcoin estava em US$ 11.918 às 1h03 de hoje (2), de acordo com dados da CoinMarketCap. Na plataforma de negociação de câmbio de criptomoeda da Binance, seu valor estava aumentando em 5,41%, a US$ 11.980.

​Durante as primeiras horas do pregão deste domingo (2), o preço do bitcoin atingiu a marca de US$ 12 mil pela primeira vez desde 9 de agosto de 2019, mas o seu valor voltou a cair em seguida.

“​Há momentos na jornada Bitcoin que podem ser solitários. Seus amigos pensam que você é louco, as pessoas o ridicularizam. Mas estamos entrando em um período de tempo em que novamente os Bitcoiners serão considerados as pessoas mais inteligentes da sala”, disse Tyler Winklevoss, um dos grandes investidores na criptomoeda.

Investir em Bitcoin é como investir no Facebook em 2007, diz Fidelity

A Fidelity Digital Assets, subsidiária da maior empresa de investimentos americana Fidelity Investments, publicou um relatório sobre o Bitcoin destacando os benefícios do BTC e as oportunidades para quem está investindo no criptoativo.

No relatório de 20 páginas, a Fidelity Digital Assets deixa claro o potencial do bitcoin ao dizer que “investir em bitcoin hoje é semelhante ao investimento no Facebook, quando tinha 50 milhões de usuários com potencial para crescer para mais de 2 bilhões de usuários que possui hoje”.

O Facebook chegou a 50 milhões de usuários em outubro de 2007, três anos após sua fundação, na época a companhia valia no máximo algumas dezenas de milhões, hoje, a rede social é avaliada em US$633 bilhões.

A analogia da Fidelity serve para mostrar o potencial do Bitcoin. Inclusive, os mesmos investidores que começaram a colocar dinheiro no Facebook também estão investindo fortemente no Bitcoin.

Os irmãos Winklevoss, que acusaram Mark Zuckerberg de roubar a ideia do Facebook, hoje têm bilhões em criptoativos, além de uma exchange de criptomoedas e até mesmo uma stablecoin usada globalmente.

Até mesmo o primeiro grande investidor do Facebook, Peter Thiel, está investindo pesadamente em criptomoedas. Peter investiu US$50 milhões na empresa de mineração com energia renovável Layer1.

Bitcoin pode crescer ainda mais?

Segundo o relatório, uma das belezas do Bitcoin é que seu sucesso não é predito por servir um propósito único. Mas mesmo focando na sua utilidade como reserva de valor, o seu potencial é altíssimo.

A pesquisa feita pela Fidelity descobriu que muitos investidores consideram que a criptomoeda tem características de uma boa reserva de valor, faltando somente a ampla adoção. A principal e inovadora característica do Bitcoin como reserva de valor é a sua escassez digital infalsificável.

 

Deixe um comentário