Disney tem prejuízo de US$ 4,72 bilhões com parques fechados

LinkedIn

A Walt Disney (DIS) teve prejuízo líquido de US$ 4,72 bilhões em seu terceiro trimestre fiscal, ou US$ 2,61 por ação diluída, revertendo o lucro de US$ 1,43 bilhão, ou US$ 0,79 por ação, de igual período do ano anterior. Analistas ouvidos pela FactSet previam prejuízo menor, de US$ 0,61 por ação.

As ações da Disney, empresa com valor de mercado de US$ 210 bilhões, são negociadas na B3 através da BDR (BOV:DISB34).

Disney fechou a terça-feira sendo cotada a US$ 116,35. Em 2020, as ações da empresa oscilaram entre US$ 79,07 e US$ 153,41.

A receita da Disney foi de US$ 11,779 bilhões no terceiro trimestre fiscal, queda de 42% na mesma comparação anual.

A Disney diz que, excluindo-se alguns itens que afetam a comparação, o lucro por ação diluído ficou em US$ 0,08, uma queda de 94% na comparação anual. A companhia diz que seus resultados foram afetados pela pandemia da covid-19. “O impacto mais significativo foi no segmento de Parques, Experiências e Produtos, com a maioria dos parques temáticos e resorts fechados por todo o trimestre e nossas viagens de cruzeiro suspensas”, afirma ela.

Por outro lado, a empresa ressaltou que continua a ter “um sucesso incrível” com o serviço de streaming Disney+, que cresce globalmente, com o portfólio total de serviços diretos ao consumidor da empresa superando a marca de 100 milhões de inscrições pagas.

Deixe um comentário