Ser Educacional compra a Faculdade de Juazeiro do Norte por R$ 24 milhões

LinkedIn

A Ser Educacional celebrou contrato por meio do qual sua subsidiária Cenesup (Centro Nacional de Ensino Superior) adquiriu 100% do capital social do Colégio Cultural Módulo, mantenedor da Faculdade de Juazeiro do Norte (FJN).

O comunicado foi feito pela Ser Educacional (BOV:SEER3), um dos maiores grupos privados de educação do Brasil e líder nas regiões Nordeste e Norte, na última sexta-feira (18).

A instituição de ensino, localizada na cidade de Juazeiro do Norte, estado do Ceará, registrou, em 2019, receita líquida de aproximadamente R$20 milhões e EBITDA ajustado de R$4,3 milhões, e contava com 2.100 alunos de graduação, em dezembro de 2019, distribuídos nos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Farmácia, Gastronomia, Medicina Veterinária, Nutrição, Segurança no Trabalho e Sistemas de Informação.

Em 6 de agosto de 2020, foi publicada a portaria pelo Ministério da Educação aprovando a transformação e credenciamento da FJN em Centro Universitário.

A instituição possui pedido de credenciamento para oferecimento de ensino à distância (EAD) sob análise.

“Em linha com sua estratégia de buscar ser relevante nessas regiões e presente nas demais regiões do Brasil, o grupo Ser Educacional fortalece sua presença na região Nordeste do Brasil”, afirmou a companhia.

A Cenesup pagará pela transação o valor total de R$ 24 milhões.

Conclusão da operação

A Ser Educacional (SEER3) comunicou no dia 03 de novembro de 2020  a conclusão do contrato de compra e venda de quotas e a efetiva transferência do capital social do Colégio Cultural Módulo.

O Módulo é mantenedor da Faculdade de Juazeiro do Norte (CE) para o Centro Nacional de Ensino Superior, subsidiária da Ser Educacional.

Compra da Laureate no Brasil

Semana passada, a Ser Educacional chegou a um acordo para a compra das operações brasileiras do grupo educacional Laureate, denominadas Rede Internacional de Universidades Laureate.

Pelos próximos 30 dias, a Laureate poderá receber proposta mais vantajosa de outro grupo, mas nesse caso a Ser Educacional terá direito a multa de R$ 180 milhões.

Lucro no 2T20

Ser Educacional registrou lucro líquido de R$ 54,7 milhões, recuando 7,3% em relação aos R$ 59 milhões apurados no mesmo período de 2019. A redução ocorreu em virtude principalmente do efeito da norma contábil IFRS 16 na depreciação e amortização e do imposto de renda e contribuição social, afetado pelo aumento nas contas de provisão, da redução do prejuízo fiscal de suas controladas e de maior receita das atividades não incentivadas.

Deixe um comentário