Como a Tesla geralmente é negociada após seus relatórios trimestrais e o que os analistas prevêem

LinkedIn

Os resultados financeiros do terceiro trimestre da Tesla (NASDAQ:TSLA) serão divulgados após o sino de quarta-feira (21), e o relatório do período tende a ser um dos mais fortes para as ações, mostra a história.

As ações da montadora caíram quase 3% esta semana, mas ainda estão em alta de 411% este ano, já que os analistas continuam aumentando o preço-alvo das ações.

No terceiro trimestre do ano passado, a Tesla postou um lucro surpreendente que desencadeou um aumento de 20% nas ações em um dia. Naquela época, a empresa liderada por Elon Musk ofereceu uma série de boas notícias aos investidores, incluindo o progresso em sua nova fábrica em Xangai e atualizações positivas em seu crossover Modelo Y e caminhão Tesla Semi.

A empresa passou a reportar mais três trimestres lucrativos, o que em parte impulsionou as ações à escalarem 400% em 2020.

Os analistas de Wall Street esperam que a Tesla registre um lucro por ação de 56 centavos sobre vendas de US$ 8,276 bilhões, de acordo com a FactSet. Para ter certeza, outras métricas, como o crescimento da unidade, bem como as atualizações da empresa em vários projetos e produções, têm maior probabilidade de movimentar as ações esta tarde.

O analista do JMP, Joseph Osha, disse na quarta-feira que “todos os olhos estarão voltados para a China”, o que contribuiu significativamente para o resultado das entregas.

“Com a China agora em mais de 30% do volume total da TSLA, obter detalhes adicionais sobre esse mercado será importante”, disse Osha em uma nota aos clientes.

A empresa disse em 2 de outubro que entregou 139.300 veículos no terceiro trimestre e produziu 145.036 veículos. Isso estabelece um novo recorde trimestral para a Tesla.

O foco de Wall Street na quarta-feira também será no nível de lucratividade e na trajetória de crescimento da unidade no quarto trimestre, de acordo com o analista da Wedbush, Dan Ives.

“Acreditamos que a eficiência de fabricação aprimorada da Tesla e o brilhante sucesso do Giga 3 na China estarão em plena exibição… e levarão a outro desempenho forte de resultados financeiros que deve superar o Wall Street em nossa opinião”, disse Ives em uma nota na terça-feira.

A Tesla também é negociada na B3 através da BDR (BOV:TSLA34)

Segue as recomendações:

Wedbush: classificação neutra

Goldman Sachs: classificação neutra

Barclays: classificação neutra

Credit Suisse: classificação neutra

Baird: classificação neutra

Cowen: classificação neutra

Morgan Stanley: classificação neutra

Citi: “vender”

Needham: “vender”

RBC: “vender”

Oppenheimer – “comprar”

JPMorgan: “vender”

Bank of America: classificação neutra

Deutsche Bank: “comprar”

Roth Capital: classificação neutra

Canaccord: “manter”

Fonte: CNBC

Deixe um comentário