Futuros dos EUA avançam na expectativa de um acordo em Washington

LinkedIn

ÁSIA: As bolsas asiáticas abriram em queda nesta terça-feira, ecoando o declínio de Wall Street, enquanto as esperanças de que Washington conciliasse a ajuda extremamente necessária para a economia antes da eleição presidencial dos EUA, mas durante o curso do pregão, os investidores reagiram positivamente à manutenção das taxa de empréstimo de referência da China de um e cinco anos da China, em linha com as expectativas da maioria dos analistas e alguns mercados conseguiram fechar em território positivo.

Atualmente, o LPR de um ano está em 3,85%, enquanto a taxa de cinco anos está em 4,65%. Na China Continental, o composto de Xangai subiu 0,47%, enquanto o Shenzhen Component saltou 1,36%. O índice Hang Seng de Hong Kong fechou em alta de 0,11%.

No Japão, o Nikkei caiu 0,44%, enquanto o índice Topix caiu 0,75%. As ações do Japan Exchange Group caíram 1,51% no dia, após relatos da mídia local de que os reguladores financeiros do país devem realizar uma inspeção na Bolsa de Valores de Tóquio após um problema técnico no início de outubro que interrompeu as negociações por um dia.

o Kospi da Coreia do Sul fechou em alta de 0,50%. As ações da fabricante de chips sul-coreana SK Hynix caíram 1,73% depois que a empresa anunciou nesta terça-feira que comprará o negócio de armazenamento e memória NAND da Intel por US $ 9 bilhões.

Enquanto isso, na Austrália caíram, o S & P / ASX 200 encerrando seu dia de negociação em queda de 0,72% em 6.184,60 pontos. Entre as mineradoras, BHP caiu 1,8%, Rio Tinto recuou 1,6%, enquanto a produtora de minério de ferro Fortescue Metals conseguiu fechar em alta de 0,8%. As petrolíferas recuaram. Santos caiu 1,9%, enquanto Woodside Petroleum fechou em queda de 1,4%.

O índice MSCI para Ásia-Pacífico exceto Japão praticamente inalterada.

EUROPA: As bolsas europeias abriram em queda mas tentam recuperar terreno ainda na manhã de terça-feira, com as preocupações com o coronavírus na Europa e o prazo para um pacote de estímulo fiscal dos EUA pesando sobre o sentimento do mercado.

A União Europeia indicou que estava disposta a intensificar as negociações com o Reino Unido sobre um novo pacto comercial, mas não deu nenhum outro sinal de que estava suavizando sua posição, de acordo com uma reportagem do jornal The Times.

As notícias na frente da pandemia continuam a ser alarmantes, já que o número de novas infecções diárias atingiu um recorde na Europa na segunda-feira, de acordo com a Reuters. A Irlanda atingindo seu nível mais alto de restrições, enquanto o País de Gales deve iniciar um bloqueio nacional, mas uma série de relatórios de lucros bem recebidos suavizam o sentimento dos investidores.

O pan-europeu Stoxx 600 avança 0,20% reduzindo perdas anteriores, com setores e grandes bolsas apontando em direções opostas.

O alemão DAX 30 cai 0,42%, o francês CAC 40 sobe 0,36%, enquanto o IBEX 35 da Espanha e o FTSE MIB da Itália sobem 0,78% e 0,30%, respectivamente.

Em Londres, o FTSE 100 sobe 0,16%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Anglo American cai 0,6%, Antofagasta recua 0,1%, enquanto as gigantes BHP e Rio Tinto recuam 0,7% e 0,8%, respectivamente. As gigantes do petróleo BP e Royal Dutch Shell caem 1% e 1,5%, respectivamente.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA sobem nesta terça-feira, antes do prazo final para um novo acordo de estímulo fiscal em Washington.

Os mercados de ações dos EUA caíram durante a sessão de segunda-feira, com o Dow perdendo 410 pontos ou baixa de 1,44%, enquanto o S&P 500 e o Nasdaq Composite recuaram 1,63% e 1,65%, respectivamente. Todos os 11 setores da S&P terminaram no vermelho. A queda marcou o quarto dia de queda em cinco para o Dow e o S&P 500, enquanto foi a quinta sessão negativa consecutiva para o Nasdaq.

As ações da Intel, que compõe o Dow, subiram cerca de 1,2% no pregão da segunda-feira, após a fabricante de chips sul-coreana SK Hynix anunciar que comprará os negócios de memória NAND e armazenamento da Intel por US $ 9 bilhões.

A mudança nos futuros ocorre depois que a presidente da Câmara, Nancy Pelosi e o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, ”continuaram a estreitar suas diferenças” em um telefonema na tarde de segunda-feira para discutir outro pacote de estímulo, segundo o porta-voz de Pelosi, Drew Hammill. A autoridade disse que terça-feira é o prazo para chegar a um acordo antes da eleição de 3 de novembro.

Os democratas da Câmara aprovaram dois projetos de lei de alívio adicionais recentemente, mas o Senado controlado pelos republicanos não deram continuidade, pois estão se movendo para votar um pacote de alívio de US $ 500 bilhões no final desta semana. O projeto de lei mais recente dos democratas da Câmara foi de US $ 2,2 trilhões, enquanto as contrapropostas da Casa Branca chegaram a US $ 1,9 trilhão nas últimas semanas.

A sessão de terça-feira também pode apresentar negociações voláteis em torno dos balanços corporativos. A empresa de produtos de consumo Procter & Gamble divulgará os resultados antes do sino de abertura, enquanto a gigante de vídeo Snap e streaming Netflix entregará seu relatório trimestral após o fechamento do mercado. As ações da IBM, componente da Dow, caíram 3% no período de negociações depois que a empresa relatou seu terceiro trimestre consecutivo de queda na receita.

ÍNDICES FUTUROS – 7h30:
Dow: +0,71%
SP500: +0,82%
NASDAQ: +1,07%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado e a europeia no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados.

Deixe um comentário