Hashdex lança fundo 100% Bitcoin voltado para milionários do Brasil

LinkedIn

A Hashdex anunciou a criação de um novo fundo no Brasil que será representado em 100% pela criptomoeda Bitcoin (BTC). Voltado para investidores considerados “qualificados” no mercado financeiro, segundo o Valor Investe, o fundo aceitará a entrada de usuários com aportes acima de R$ 1 milhão.

Chamado Bitcoin Full 100 FIC FIM, o fundo 100% de criptomoeda da Hashdex estará disponível para negociações na plataforma da empresa a partir desta quarta-feira (14).

No entanto, esse não é o primeiro fundo dedicado exclusivamente ao BTC que foi lançado no mercado brasileiro de criptomoedas. Recentemente, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aprovou o fundo QR BTC MAX FIM IE que pertence a QR Capital, também 100% lastreado em Bitcoin.

Fundo 100% em Bitcoin

 fundo de Bitcoin 100%  da Hashdex, lastreado na criptomoeda, será voltado apenas para grandes investidores no Brasil, com aplicações a partir de R$ 10 mil.

Considerado para “investidores arrojados, a taxa de administração do fundo Bitcoin Full 100 FIC FIM será de apenas 0,75%. Enquanto isso, a Hashdex anunciou que não cobrará taxas de performance para o fundo 100% em Bitcoin.

Em entrevista ao Valor Investe, o presidente da Hashdex, Marcelo Sampaio, disse que o fundo de Bitcoin ainda possui garantias contra roubo e ou perdas de criptomoedas, tornando o investimento mais seguro para os usuários.

“O investimento via fundo evita eventuais riscos, como por exemplo perda dos bitcoins e roubos efetuados por hackers.”

Além disso, Sampaio adverte que o fundo Bitcoin Full 100 FIC FIM terá uma tributação mais simplificada devido a classificação do investimento como fundos multimercado.

“Outro ganho é que o produto tem tributação de fundo multimercado, o que torna mais fácil o entendimento para o investidor.”

Outros fundos de investimento

Embora a Hashdex tenha anunciado a criação de um fundo 100% em Bitcoin nesta terça-feira (13), o fundo QR BTC MAX FIM IE foi aprovado pela CVM no dia 01 de outubro de 2020.

Dessa forma, o fundo da QR Capital foi considerado o primeiro “purista”, lastreado em 100% ao Bitcoin. A previsão da empresa é de conseguir aumentar a captação do fundo para 100 milhões até o final de 2021.

Enquanto isso, o fundo da Hashdex permite a entrada de investidores com valores a partir de R$ 10 mil, o fundo 100% de Bitcoin da QR Capital permite aportes apenas acima de R$ 50 mil.

Outra grande novidade que a Hasdex trouxe ao mercado no final de setembro de 2020, foi primeiro ETF de Bitcoin e de criptomoedas do mundo. Nesse caso, o fundo foi criado em parceria com a Nasdaq.

Por Paulo José

Deixe um comentário