Alupar (ALUP) 3T20: Lucro líquido recua para R$ 181,2 milhões

LinkedIn

Alupar, holding que atua em geração e transmissão de energia elétrica, registrou lucro líquido de 181,2 milhões no terceiro trimestre, queda de 14,2% abaixo dos R$ 212,5 milhões registrado no mesmo período do ano passado.

Os resultados da Alupar (BOV:ALUP3) (BOV:ALUP4) (BOV:ALUP11) referente a suas operações do terceiro trimestre de 2020, foram divulgados no dia 11/11/2020.

Ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – somou R$ 728,4 milhões no terceiro trimestre de 2020, uma elevação de 17,4% na comparação com o terceiro trimestre do ano passado. A margem Ebtida atingiu 48,8% no terceiro trimestre de 2020, baixa de 0,5 ponto percentual.
→ A Alupar é uma holding de controle nacional privado, que nasceu em 2007, com atuação no setor de energia, mais especificamente nos segmentos de transmissão e geração, tendo como objetivo o desenvolvimento e investimento em projetos no Brasil e nos demais países da América Latina. A Alupar possui R$ 21,3 bilhões de valor de mercado. Confira a Análise completa da empresa com informações exclusivas.
A receita líquida cresceu 18,5% e foi a R$ 1,49 bilhão, enquanto o ebitda de R$ 728,4 milhões mostra um aumento de 17,4%.
Em nove meses, o lucro teve recuo de 40,3%, indo de R$ 724 milhões para R$ 432,5 milhões. A receita líquida teve um leve aumento de 3%, ficando em R$ 1,34 bilhão. Já o ebitda subiu 12,8%, chegando a R$ 1,03 bilhão.
Outras informações do Balanço
A empresa investiu R$ 659,6 milhões no terceiro trimestre de 2020. Os aportes foram destinados principalmente para o segmento de transmissão.

A dívida líquida da Alupar encerrou o terceiro trimestre em R$ 6,271 bilhões, alta de 78,1% na comparação anual.

A alavancagem financeira, medida pela relação dívida líquida / Ebtida ajustado, ficou em 2,2 vezes no final do trimestre. Um ano antes a alavancagem financeira era de 1,4 vez.

VISÃO DE MERCADO

BTG Pactual

A Alupar reportou receita líquida (BRGAAP) de R$ 445 milhões (vs. R$ 428 milhões de estimativa do BTG) e EBITDA (BRGAAP) de R$ 339 milhões (vs. R$ 354 milhões de estimativa do BTG e do consenso de R$ 345 milhões). A principal diferença em relação ao EBITDA é explicada principalmente pelos custos de compra de energia acima do esperado, que compensaram parcialmente a receita líquida mais forte. Seguindo um EBITDA abaixo do esperado, o lucro líquido totalizou R$ 57 milhões, substancialmente diferente em relação a nossa projeção de R$ 115 milhões, principalmente devido a despesas financeiras acima do projetado.

BTG Pactual tem recomendação de compra com preço-alvo de R$ 30,00.

VISÃO TÉCNICA


Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

Aprenda a analisar graficamente os seus ativos. Acesse: www.youtrade.pro.br

Peça uma análise do seu portfolio de investimentos e ações.
Clique e fale com o especialista da YouSave ou acesse www.yousave.com.br


FaleComEspecialista

Deixe um comentário