Dimed (PNVL3) 3T20: Lucro líquido cai 17% para R$ 19,8 milhões

LinkedIn

Dimed, dona da Panvel, divulgou lucro líquido de R$ 19,8 milhões no terceiro trimestre, queda de 17% ante o resultado de R$ 23,37 milhões no mesmo período do ano anterior.

Os resultados da Dimed (BOV:PNVL3), referente a suas operações do terceiro trimestre de 2020, foram divulgados no dia 16/11/2020.

Ebitda ajustado – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – somou R$ 32,3 milhões no período
A receita bruta somou R$ 741,53 milhões, contra a receita bruta de R$ 726,96 milhões do mesmo período do ano anterior. No varejo, a receita bruta foi de R$ 666,9 milhões, incremento de 3,7% sobre o terceiro trimestre de 2019.
Outras informações do balanço

Segundo a Dimed, as medidas de distanciamento social continuaram a causar impacto ao longo do trimestre na operação das lojas.

“A Região Sul como um todo enfrentou a pandemia com restrições mais rigorosas que a média do Brasil, em especial na cidade de Porto Alegre. Este fator, aliado à concentração de um número relevante das nossas lojas em regiões de maior renda, impediu um crescimento mais acelerado da venda no período”, destacou a Companhia.

As vendas digitais da Panvel representaram 17,6% da venda total, um crescimento de 74,3%. A Companhia encerrou o terceiro trimestre de 2020 com fluxo de caixa livre de R$ 38,9 milhões.

“Mesmo com o aumento no volume de investimentos, a geração de caixa cresceu 89,3% sobre o mesmo período no ano anterior”, destacou a Dimed

O nível de endividamento bruto foi de R$ 302,6 milhões e, depois de descontadas as disponibilidades em caixa (R$ 579,8 milhões), o caixa líquido ficou em R$ 277,2 milhões.

Em termos de alavancagem, a dívida líquida sobre o Ebitda fechou negativa em 2,06 ao final do terceiro trimestre.

As despesas administrativas totalizaram R$ 17,1 milhões no período, representando 2,3% da receita bruta.

Já o total de despesas com vendas somou R$ 156,6 milhões, que representa 21,1% da receita bruta.

Deixe um comentário