Confira os Indicadores Econômicos desta segunda-feira (25/01/2021)

LinkedIn

Confira os principais indicadores econômicos desta segunda-feira (25/01/2021), em destaque a arrecadação do governo federal fechou 2020 com queda real de 6,91%, a R$ 1,479 trilhão.

Brasil

Os economistas do mercado financeiro alteraram suas projeções para a Selic (a taxa básica da economia) no fim de 2021. O Relatório de Mercado Focus trouxe nesta segunda-feira que a mediana das previsões para a Selic neste ano foi de 3,25% para 3,50% ao ano. Há um mês, estava em 3,13%.

Os economistas alteraram a previsão para o IPCA – o índice oficial de preços – em 2021, o relatório divulgado hoje mostra que a mediana para o IPCA este ano foi de alta de 3,43% para 3,50%. Há um mês, estava em 3,34%. A projeção para o índice em 2022 seguiu em 3,50%. Quatro semanas atrás, estava no mesmo patamar.

Os economistas também alteraram suas projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2021. Conforme o Relatório a expectativa para a economia este ano passou de alta de 3,45% para elevação de 3,49%. Há quatro semanas, a estimativa também era de 3,49%. Para 2022, o mercado financeiro manteve a previsão do PIB em alta de 2,50%. Quatro semanas atrás, estava no mesmo patamar.

O Relatório de Mercado Focus trouxe também manutenção na projeção para o resultado primário do governo em 2021. A relação entre o déficit primário e o PIB no ano passado seguiu em 2,80%. No caso de 2022, foi de 2,00% para 2,16%. Há um mês, os porcentuais estavam em 3,00% e 2,20%, respectivamente.

IPC-S de 22 de janeiro de 2021 variou 0,42%, ficando 0,10 ponto percentual (p.p) abaixo da taxa registrada na última divulgação. Com este resultado, o indicador acumula alta de 0,42% no ano e 5,00% nos últimos 12 meses.

Nesta apuração, cinco das oito classes de despesa componentes do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação. A maior contribuição partiu do grupo Habitação (0,74% para -0,23%). Nesta classe de despesa, cabe mencionar o comportamento do item tarifa de eletricidade residencial, cuja taxa passou de 2,00% para -2,21%.

A arrecadação do governo federal fechou 2020 com queda real de 6,91%, a 1,479 trilhão de reais, divulgou a Receita Federal nesta segunda-feira, em um desempenho que capta os efeitos negativos da crise econômica em decorrência da pandemia da Covid-19.

A balança comercial brasileira registrou, no resultado parcial deste mês, déficit de US$ -0,824 bilhão em relação à terceira semana de janeiro de 2021, com cinco dias úteis, como resultado de exportações no valor de US$ 3,026  bilhões e importações de US$ 3,85 bilhões.

Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (25), pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia. No mês, as exportações somam US$ 10,713 bilhões e as importações, US$ 12,982 bilhões, com saldo negativo de US$ -2,269 bilhões.

Estados Unidos

Os gastos das famílias aumentaram modestamente nos últimos quatro meses, mas as expectativas dos consumidores de quanto mais poderão gastar daqui a um ano aumentaram, de acordo com uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira pelo Federal Reserve de Nova York.

O relatório mostrou que os consumidores estão gastando mais lentamente à medida que a economia se reabre e mais pessoas gradualmente voltam ao trabalho, e ofereceu um sinal de que os consumidores estão esperançosos de que sua situação financeira irá melhorar ainda mais com a contenção do coronavírus.

O índice de atividade nacional do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) de Chicago avançou +0,52 ponto em dezembro, de +0,31 no mês anterior. Uma leitura em zero indica que a economia do país está se expandindo na média histórica, e a reversão a uma leitura negativa indica um crescimento mais fraco.

O presidente Joe Biden assinará na segunda-feira (25) uma proibição de viagem para a maioria dos cidadãos não americanos á entrar no país que estiveram recentemente na África do Sul, onde uma nova cepa de Covid-19 foi identificada, segundo a CNBC.

Biden também vai restabelecer as restrições de viagem à entrada de cidadãos não americanos do Reino Unido e do Brasil, onde surgiram novas cepas de Covid-19. As restrições também se aplicarão à Irlanda e grande parte da Europa. O ex-presidente Donald Trump havia rescindido as restrições pouco antes de Biden assumir o cargo.

Europa

O índice IFO de sentimento das empresas na Alemanha caiu de 92,2 em dezembro para 90,1 em janeiro, informou o instituto nesta segunda-feira.

Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam recuo menor, a 91,9. O IFO nota que a avaliação das empresas sobre o quadro é pior do que no mês passado, com mais pessimismo sobre as expectativas.

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, defendeu nesta segunda-feira, 25, que os bancos centrais “não podem ignorar” as mudanças climáticas e precisam ter um papel para combatê-las.

Durante evento em Frankfurt, Lagarde disse que “a inação tem consequências negativas” e que as implicações de não se combater o problema já são visíveis, como no fato de que os últimos seis anos foram os mais quentes já registrados e que 2020 foi o ano mais quente da história da Europa.

Lagarde notou ainda o aumento de desastres naturais, que só no ano passado custaram US$ 210 bilhões, nesse quadro, há mais disposição política entre reguladores e fiscais para acelerar a transição para uma economia neutra em carbono, comentou ela.

Ásia

O presidente da China, Xi Jinping, pediu nesta segunda-feira que o mundo fortaleça a coordenação de políticas macroeconômicas e aumento o papel do G20 na governança econômica global, ao apontar uma recuperação “bastante instável” da pandemia de coronavírus.

Falando em uma reunião virtual do Fórum Econômico Mundial —encontro geralmente realizado na estância de esqui suíça de Davod—, Xi disse que o panorama econômico global continua incerto e que as emergências de saúde pública “podem muito bem se repetir” no futuro.

Deixe um comentário