Locaweb anuncia compra da plataforma ConnectPlug, por R$ 18 milhões

LinkedIn

A Locaweb Serviços de Internet anunciou a compra da ConnectPlug. O preço de fechamento da aquisição da totalidade das quotas da ConnectPlug é de R$18 milhões.

O comunicado foi feito pela empresa(BOV:LWSA3), na segunda-feira (26). Confira o documento na íntegra.

“Com essa aquisição, a Locaweb, que já tem o mais completo ecossistema de soluções tecnológicas para PME’s e forte atuação no mercado de food services com a Delivery Direto, reforça o seu portfólio e entra para o importante mercado de soluções de tecnologia para o comércio físico”, afirmou a companhia no fato relevante.

ConnectPlug

Fundada em 2015 em Curitiba, a ConnectPlug é uma plataforma SaaS com um sistema de ponto de venda (PDV) e um completo sistema de gestão.

Com ampla presença no segmento de food services, a plataforma oferece importantes ferramentas como a integração de pedidos em diversos marketplaces, plataformas de autoatendimento e soluções para cardápios e comandas digitais totalmente integrados com o sistema de gestão de cozinha (KDS – kitchen display system).

A solução, que a princípio foi desenvolvida para o mercado de food services, ficou completa e robusta e passou a atender outros segmentos com grande foco em pequenas e médias empresas.

A ConnectPlug apresentou forte crescimento em 2020 e gerou receita anual recorrente (ARR) de R$ 4 milhões.

“Com esta aquisição a Locaweb atinge um novo mercado e amplia a capacidade do grupo de oferecer soluções omnichannel”, destacou a companhia.

A ConnectPlug permite que o lojista usufrua de todas as funcionalidades que um sistema SaaS entrega, com uma vasta capacidade de emissão de notas fiscais de todo Brasil, relatórios de inteligência para o negócio e possibilidade de trabalhar offline para casos de acesso internet mais remotos.

Lucro líquido de R$ 5,2 milhões

A Locaweb divulgou lucro líquido de R$ 7,8 milhões entre julho e setembro, um crescimento de 30,6% sobre os R$ 6 milhões vistos um ano antes. No critério ajustado, o lucro líquido ficou em R$ 12,5 milhões, alta de 30,4% sobre 2019.

O Ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – foi de R$ 30,9 milhões, subindo 4,4% ante os R$ 29,6 milhões apurados no ano anterior. A margem Ebitda do período foi de 24,4%, queda de 4,6 pontos percentuais. Em termos ajustados, o Ebitda foi de R$ 35,8 milhões, alta de 17,9% sobre julho a setembro de um ano antes.

Deixe um comentário