Assaí Atacadista estreia na B3 nesta segunda-feira

LinkedIn

As ações da rede atacadista Assaí estreiam na segunda-feira (1º) na B3, com o símbolo (BOV:ASAI3), depois que a unidade foi segregada da estrutura do Pão de Açúcar (BOV:PCAR3).

Ela chega à bolsa em uma situação financeira confortável, registrando resultados no quarto trimestre e em 2020 que agradaram os analistas que acompanham o setor de varejo.

Com a realização da listagem, o Assaí passa a ser a 178ª empresa do Novo Mercado, segmento com os mais elevados padrões de governança corporativa. A empresa também terá recibos de ações (ADRs) sendo negociados em Nova York.

Histórico e resultados

A separação do Assaí e do multivarejo do GPA foi anunciada no final de 2020. A ideia, segundo o informado na ocasião, é destravar valor das duas unidades e proporcionar maior e melhor acesso de financiamentos a ambas, de acordo com as respectivas estratégias e planos de expansão.

A operação prevê que todos os acionistas do GPA terão a mesma porcentagem de ações no Assaí e no multivarejo. O grupo francês Casino, atual controlador do GPA, por exemplo, continuará com a mesma participação no Assaí.

O Assaí tem se destacado nos últimos anos, com desempenho muito melhor do que a parte de multivarejo. Ele fechou o quarto trimestre com um crescimento de 60% do lucro líquido, na comparação com o mesmo período de 2019, a R$ 300 milhões. Em 2020, o lucro somou R$ 1 bilhão, crescimento de 32%.

No ano passado, a receita líquida aumentou 29,3%, para R$ 36 bilhões, com diversas pessoas optando por fazer compras nos chamados “atacarejo”, por terem um preço um pouco mais em conta que modelos tradicionais. As vendas “mesmas lojas” – que consideram o desempenho de unidades em funcionamento há mais de 12 meses – tiveram uma evolução de 19,6% no trimestre e 14,1% no ano.

Ela chegou no final de 2020 com 19 lojas inauguradas, um total de 184 unidades em 23 estados brasileiros e no Distrito Federal.

“Mesmo em um ano desafiador em decorrência da pandemia e do cenário econômico brasileiro, o Assaí manteve um forte ritmo de expansão e ganho de market share, consolidando a marca nas regiões onde já está presente e em novas praças (em 2020 entramos no Maranhão e em Roraima)”, diz trecho do balanço.

A dívida líquida, ajustada pelo saldo de recebíveis não antecipados, totalizou R$ 4,1 bilhões em 2020, apresentando uma redução de R$ 2,4 bilhões em comparação a 2019.

A relação entre a dívida líquida e o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) recuou de 3,77 vezes para 1,76 vez.

Deixe um comentário