Copasa comunica que aferição de volume por média de consumo é autorizada por norma regulatória

LinkedIn

A Copasa comunicou que a aferição do volume pela média do consumo é autorizada pela norma regulatória. O anúncio ocorreu após nota divulgada pela Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário do Estado de Minas Gerais (Arsae-MG), alegando inconsistências em determinadas faturas emitidas durante o período da pandemia.

 O comunicado foi feito pela companhia (BOV:CSMG3) nesta quinta-feira (12).

A Copasa diz que se pronunciará sobre o processo administrativo instaurado ontem (20), no prazo regulatório.

→A Copasa MG possui sede em Belo Horizonte e mais de 55 anos. A companhia está entre as maiores empresas de saneamento do Brasil. A empresa possui R$ 5,43 bilhões de valor de mercado.

Lucro líquido de R$ 240,5 milhões, alta de 24,4% no 3T20

A Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasaregistrou lucro líquido de R$ 240,5 milhões no terceiro trimestre deste ano, alta de 24,4% em relação ao mesmo período do ano passado, quando havia registrado lucro de R$ 131,4 milhões.

A receita líquida da companhia avançou 2%, para R$ 1,36 bilhão. Segundo a empresa, a receita líquida do segmento de água, esgoto e resíduos sólidos subiu 6,1%, para R$ 1,2 bilhão, puxado pelo reajuste tarifário médio de 8,38%.

Deixe um comentário