Mercados sob pressão com a alta nos rendimentos dos títulos do tesouro do EUA

LinkedIn

ÁSIA: As bolsas asiáticas fecharam de forma mista nesta quarta-feira, com os investidores monitorando o recente aumento nos rendimentos dos títulos públicos. A alta nos rendimentos foi impulsionado por preocupações inflacionárias crescentes em meio a um aumento nos preços da energia, juntamente com a perspectiva de um grande estímulo fiscal nos EUA e a recuperação global entrando em um estágio mais sólido, à medida que o lançamento da vacina leva à reabertura das economias.

As ações de bancos se beneficiam dos rendimentos mais altos, pois lhes permitem cobrar taxas de juros mais lucrativas nos empréstimos, mas algumas ações que dependem de empréstimos, como imobiliárias e “techs”, são prejudicadas quando os rendimentos dos títulos sobem.

No Japão, o Nikkei caiu 0,58%, para 30.292,19 pontos, enquanto o índice Topix caiu 0,18%, fechando em 1.961,49 pontos. As exportações do Japão aumentaram 6,4% em janeiro em comparação com o ano anterior, de acordo com o Ministério das Finanças do país.

As ações da Toyota Motor caíram depois que a principal montadora do Japão disse que 14 linhas de montagem em nove de suas fábricas no Japão estavam sendo interrompidas para até quatro dias, a partir de quarta-feira, por causa dos efeitos do recente terremoto que abalou o nordeste do Japão, sem dar muitos detalhes, mas disse que a paralisação foi causada pela falta de autopeças. A Toyota tem 15 fábricas no Japão e entre as linhas afetadas estão as de modelos como Lexus, o Prius híbrido e o utilitário esportivo RAV4.

O Taiex de Taiwan subiu 3,54% para fechar em 16.362,29 pontos, com as ações da Taiwan Semiconductor Manufacturing Company subindo 4,91%.

O índice Hang Seng de Hong Kong subiu 1,1%, encerrando seu dia de negociação em 31.084,94 pontos.

O Kospi da Coreia do Sul caiu 0,93%, em 3.133,73 pontos.

Na Austrália, o S & P / ASX 200 fechou em baixa de 0,46%, em 6.885,20 pontos, apesar do dia positivo para as empresas de commodities. BHP subiu 3,6%, Fortescue Metals avançou 3,4% e Rio Tinto fechou em alta de 3,2%. Entre as produtoras de petróleo, Santos subiu 0,9% e Woodside Petroleum avançou 0,8%.

O índice MSCI para a região Ásia-Pacífico exceto Japão subiu 0,39%.

Os mercados na China continental permaneceram fechados na quarta-feira por conta do feriado do Ano Novo Lunar.

EUROPA: As principais bolsas europeias operam em baixa na manhã de quarta-feira, com os investidores monitorando o aumento dos rendimentos dos títulos e as perspectivas de inflação.

Alguns analistas em Wall Street acreditam que taxas mais altas podem levar os investidores a trocar as ações por títulos, ao mesmo tempo em que pressionam algumas áreas do mercado, incluindo tecnologia, que se beneficiaram com o ambiente de taxas baixas.

O pan-europeu Stoxx 600 caiu 0,4% no início das negociações, com o setor de varejo liderando as baixas, enquanto os recursos básicos resistiram à tendência e sobem.

O alemão DAX 30 cai 0,73%, o francês CAC 40 recua 0,17%, enquanto o IBEX 35 da Espanha e o FTSE MIB da Itália caem 0,34% e 0,54%, respectivamente.

O FTSE 100 do Reino Unido cai 0,41%. A Rio Tinto registrou seu melhor desempenho de lucro anual desde 2011 e fará um pagamento de altos dividendos por conta do aumento dos preços das commodities. As ações da segunda maior empresa de mineração do mundo sobem 3,6% em Londres. Entre outras mineradoras listadas em Londres, Anglo American sobe 1,1%, Antofasgasta adiciona 3,5% e BHP sobe 1,8%. Entre as gigantes petrolíferas, BP e Royal Dutch Shell sobem 1,6% cada.

Os investidores também estão de olho nas criptomoedas, depois que o bitcoin ultrapassou a marca dos US $ 50.000 pela primeira vez na terça-feira.

Em termos de dados, o crescimento da inflação no Reino Unido surpreendeu positivamente em janeiro, subindo 0,7% em termos anuais devido aos preços mais altos dos alimentos e aos descontos mais baixos de bens domésticos. Segundo analistas, a alta da inflação provavelmente começará a testar a meta de 2% do Banco da Inglaterra no final do ano, quando o consumidor do Reino Unido for capaz de liberar parte dos £ 125 bilhões que acumularam durante os bloqueios, principalmente se ocorrerem colapsos no fornecimento de mercadorias.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA recuam nas negociações matinais de quarta-feira, depois que o índice Dow Jones cravou o oitavo recorde do ano na terça-feira. O índice de 30 ações também atingiu um recorde histórico intradiário durante as negociações regulares.

O S&P 500, por sua vez, caiu 0,06% após uma sessão volátil, enquanto o Nasdaq Composite caiu 0,34%. A Apple teve impacto mais negativo no índice de tecnologia, caindo 1,6%.

Enquanto isso, o rendimento do Tesouro de 10 anos atingiu 1,30% na terça-feira, um nível visto pela última vez em fevereiro de 2020. A taxa dos títulos de 30 anos também atingiu seu nível mais alto em um ano. Alguns especialistas em Wall Street acreditam que taxas mais altas podem levar os investidores a trocar as ações e entrar em títulos, ao mesmo tempo em que pressionam algumas áreas do mercado, como as de tecnologia, que se beneficiam com o ambiente de taxas baixas.

Na agenda econômica, os investidores terão uma noção da recuperação econômica em curso quando as vendas de varejo de janeiro forem divulgadas às 10h30 da manhã. Economistas esperam que as vendas aumentem 1,2% no mês, após uma queda inesperada de 0,7% em dezembro.

No mesmo horário sairá os números do PPI e Core PPI. Às 11h15 será divulgado a taxa de utilização e a produção industrial, enquanto às 12h00 sairá o NAHB Housing Market Index e o Business Investories. Mais tarde, às 16h00, o FED divulga a ata de sua última reunião de política monetária.

BOVESPA As negociações na B3 terá início às 13h00 e se encerrará as 18h00 desta quarta-feira.

ÍNDICES FUTUROS – 7h20:
Dow: -0,04%
SP500: -0,08%
NASDAQ: -0,18%

COMMODITIES:
MinFe Dailan: —%
Brent: +0,76%
WTI: +0,56%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado, enquanto a europeia e a americana estão no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados. O texto não é indicação de compra ou venda de ativos.

Deixe um comentário