Unipar converte 59,3 mil ações preferenciais classe "A" em igual número de ações preferenciais classe “B”

LinkedIn

A Unipar Carbocloro informou que, atendendo às solicitações de acionistas detentores de ações preferenciais classe “A”, foram convertidas 59,3 mil ações preferenciais classe “A” em igual número de ações preferenciais classe “B”.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:UNIP6) nesta quarta-feira (28). Confira o documento na íntegra.

A decisão do Conselho de Administração foi aprovada em dezembro de 2020, com o objetivo de converter a classe de 62.846 ações preferenciais.

Tais conversões modificaram a composição do Capital Social da Companhia.

A Unipar pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 13 de maio.

Lucro líquido de R$ 367,7 milhões em 2020, mais que o dobro em comparação com 2019

Unipar Carbocloro, uma das maiores produtoras de cloro, soda e PVC da América do Sul, encerrou 2020 com lucro líquido de R$ 367,7 milhões, mais de duas vezes o ganho registrado um ano antes, na esteira da melhora do resultado operacional, maior volume de vendas e preços em alta do PVC.

A receita líquida subiu 26,9%, para R$ 3,83 bilhões, diante da taxa de operação mais elevada a despeito do impacto da pandemia de covid-19 no segundo trimestre, e o resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) avançou 63%, a R$ 946,5 milhões.

O presidente da companhia, Mauricio Russomanno, disse que o desempenho em 2020 foi uma “surpresa boa” após a queda de 60% a 70% nas vendas no momento inicial da pandemia. E o início de 2021 segue forte. “A retomada foi mais forte do que o esperado. A boa notícia é que estávamos preparados para atender à demanda”, disse o executivo.

No ano passado, a utilização da capacidade instalada das operações de cloro e soda nos três complexos industriais da Unipar alcançou 78%, cinco pontos percentuais acima de 2019. Conforme Russomanno, ainda é cedo para determinar como será 2021, em decorrência do recrudescimento da pandemia. Neste início de ano, a Unipar continua operando com o mesmo ritmo visto no segundo semestre. “O desafio de curto prazo é a covid-19”, afirmou. O comitê de crise da companhia se reuniu novamente na semana passada e monitora a evolução da pandemia, além de discutir possíveis ações adicionais às tomadas em 2020.

Deixe um comentário