Fechamento Ibovespa: Bolsa termina o em alta de 1,34% + todos os destaques de hoje (28/07/2021)

LinkedIn

A Bolsa de valores de São Paulo (B3) encerrou o dia  em alta de 1,34%, aos  126.285,59 pontos, na mínima o Ibovespa ficou em 124.542,47 e na máxima 126.712,08 pontos. O volume financeiro foi de R$ 31,1 bilhões.

O Ibovespa fechou em alta após uma sessão marcada pela expectativa sobre a política monetária dos Estados Unidos. O Federal Reserve manteve os juros próximos de zero e inalterado o seu programa de recompra de títulos. A decisão ajudou a Bolsa brasileira na sessão e derrubou a cotação do dólar, para fechar a R$ 5,1088 na venda.

O Federal Reserve, banco central dos EUA, afirmou em um comunicado que a recuperação econômica do país segue nos trilhos, mas que o mercado de trabalho do país ainda demanda atenção. A autoridade indicou também que já discute uma eventual retirada do suporte à economia norte-americana. A expectativa do mercado é de que o primeiro passo para o fim dos incentivos seja dado ainda este ano ou no início de 2022.

Após o comunicado, o Dow Jones registrou baixa de 0,36%, a 34.930 pontos no fechamento, enquanto o S&P 500 encerrou próximo da estabilidade, com baixa de 0,02%, a 4.400 pontos. O Nasdaq cresceu 0,70% após a Alphabet, dona do Google, registrar forte alta com os bons resultados do segundo trimestre divulgados na véspera.

O dólar comercial encerrou o dia em queda de  -1,31% sendo cotado a R$ 5,110 para venda e a R$ 5,109 para compra, diferente de outras moedas emergentes, o real ganhou destaque ao longo do dia.

➡️ Veja o fechamento desta quarta-feira:

🇧🇷 IBOV: +1,34% / 126.285 pts
🏢 IFIX: -0,02% / 2.816 pts
💵 Dólar: -1,29% / R$ 5,1088
💶 Euro: -1,07% / R$ 6,0521
💰Bitcoin: +7,42% / R$ 204.861

🇺🇸 Nova York
Dow Jones: -0,36% / 34.930 pts
S&P 500: -0,02% / 4.400 pts
Nasdaq: +0,70% / 14.762 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
01/07/2021 -0,90%  125.666,19 R$ 31,8 bilhões
02/07/2021  1,56%  127.621,65 R$ 30,2 bilhõe
05/07/2021 -0,55%   126.920,05  R$ 17,2 bilhões
06/07/2021 -1,44% 125,094,88  R$ 24,0 bilhões
07/07/2021  1,54% 127.018,71 R$ 28,5 bilhões
08/07/2021 -1,25% 125.427,77 R$ 28,9 bilhões
12/07/2021 1,73%  127.593,83  R$ 30,4 bilhões
13/07/2021  0,45%  128.167,74 R$ 27,9 bilhões
14/07/2021 0,11%  128.311,25  R$ 35,4 bilhões
15/07/2021  -0,73% 127.467,88 R$ 24,1 bilhões
16/07/2021   -1,18%   125.960,26 R$ 30,3 bilhões
19/07/2021   -1,24% 124.394,57 R$ 27,8 bilhões
20/07/2021   0,81% 125.401,36  R$ 24,8 bilhões
21/07/2021 0,42%  125.929,25  R$ 24,3 bilhões
22/07/2021 0,17%  126.146,66  R$ 26 bilhões
23/07/2021 -0,86%  125.052,78  R$ 20,4 bilhões
26/07/2021 0,76% 126.003,86 R$ 22,4 bilhões
27/07/2021 -1,10% 124.612,03 R$ 25,5 bilhões
28/07/2021   1,34%   126.285,59 R$ 31,1 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

WEGE3: +8,17% a R$ 37,20
ITUB4: +3,25% a R$ 30,79
BRFS3: +3,20% a R$ 26,44
EZTC3: +2,90% a R$ 28,40
GOLL4: +2,82% a R$ 21,90

  • BAIXAS IBOVESPA

NTCO3: -6,38% a R$ 55,00
CSNA3: -2,79% a R$ 45,57
BPAC11: -2,05% a R$ 31,02
B3SA3: -1,61% a R$ 15,84

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

Confira os destaques corporativos de hoje:

Assai (ASAI3)

O Assaí registrou lucro líquido de R$ 305 milhões no segundo trimestre deste ano, crescimento de 62% ante o mesmo período de 2020. O Ebitda ajustado, por sua vez, foi de R$ 793 milhões, um avanço de 33%, com margem de 7,9%, um ganho de 0,7 ponto porcentual.

Assaí aprova 3ª emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, em até duas series, no valor de R$ 1,5 bi. Saiba mais…

O Conselho de Administração da Assaí aprovou a realização da 2ª emissão de notas promissórias comerciais da Companhia, no montante total de R$ 2.500.000.000,00. Saiba mais…

Br Properties (BRPR3)

Br Properties celebrou contrato Venda e Compra de Imóveis e Outras Avenças com BMX Realizações Imobiliárias e Participações, tendo por objeto a aquisição de 3 Edifícios Comerciais destinados a ocupação de Varejo que compõe o Complexo Parque da Cidade, localizado na cidade e estado de São Paulo .Saiba mais…

Carrefour (CRFB3) 

O Carrefour registrou lucro líquido de R$ 592 milhões no segundo trimestre de 2021, uma queda de 16,8% em relação ao mesmo período de 2020. O Ebitda, por sua vez, foi de R$ 1,373 bilhão, um recuo de 3,6%.

Camil Alimentos (CAML3) 

A Camil anunciou que sua controlada Camilatam Ecuador adquiriu os ativos, direitos, marcas e contratos relacionados aos negócios de produção e processamento de arroz da Agroindustrias Dajahu e a totalidade das ações de emissão da companhia Transportes Ronaljavhu no Equador. Saiba mais…

Cemig (CMIG3/CMIG4)

A Cemig assinou contrato para adquirir 100% das ações da Sete Lagoas Transmissora de Energia por R$ 41,4 milhões. Saiba mais…

CSN (CSNA3)

CSN divulgou seus resultados do segundo trimestre de 2021 (2T21). O lucro líquido da CSN no 2T21 foi de R$ 5,513 bilhões, um resultado 3% inferior ao registrado no 1T21, uma vez que o trimestre anterior foi positivamente impactado pelo ganho de capital com o IPO da CSN Mineração.

CSN Mineração (CMIN3)

A CSN Mineração registrou resultados recordes no segundo trimestre de 2021, com Ebitda de R$ 4,96 bilhões, 2% acima da estimativa do BBI de R$ 4,87 bilhões, alta de 35% em relação ao trimestre anterior e alta de 256% em base anual.

Eneva (ENEV3) 

A Eneva informa que a Aneel aprovou a alteração do cronograma de implantação da usina termelétrica Jaguatirica II e postergou o termo inicial do Contrato de Comercialização de Energia Elétrica e Potência nos Sistemas Isolados de 28 de junho de 2021 para 27 de janeiro de 2022, ou a data de efetivo início da operação comercial da usina, o que ocorrer primeiro. Saiba mais…

Oi (OIBR3/OIBR4) 

A Oi companhia em Recuperação Judicial, informou que foi precificada oferta no mercado internacional de notes units, compreendidas por sênior notes a serem emitidas pela sua controlada direta Oi Móvel. Saiba mais…

Petrobras (PETR3/PETR4)

Ao completar 100 dias à frente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna reuniu membros da sua equipe e analistas de mercado para fazer um balanço da sua gestão e sinalizar o futuro da empresa. Saiba mais…

Telefônica (VIVT3)

A Telefônica Brasil, dona da marca Vivo, reportou lucro líquido de R$ 1,345 bilhão no segundo trimestre de ano. O valor representa crescimento de 20,9% na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Santander (SANB11)

O Santander Brasil informou que Sérgio Rial assumirá a presidência do Conselho de Administração a partir de 01 de Janeiro de 2022 e deixará sua posição de Diretor Presidente em 31 de Dezembro de 2021. Saiba mais…

Suzano (SUZB3)

A Suzano concluiu o resgate da totalidade das 5,250% Notes de sua emissão, com vencimento em 2024. O valor total da operação ficou em US$ 352,793 milhões. Saiba mais…

Unidas (LCAM3) 

A Unidas registrou um lucro líquido recorrente de R$ 241,2 milhões no segundo trimestre de 2021, ante R$ 1,7 milhão no mesmo período do ano passado, informou a companhia em balanço enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta terça-feira, 27.

Vale (VALE3)

A Justiça de Minas Gerais autorizou que a Samarco obtenha um financiamento de US$ 228 milhões na modalidade DIP para suprir suas necessidades de caixa, no âmbito de sua recuperação judicial, informou a companhia em comunicado à imprensa. Saiba mais…

Vamos (VAMO3)

A Vamos, empresa de locação de caminhões e equipamentos do grupo Simpar (ex-JSL), registrou lucro recorde no segundo trimestre de 2021, de R$ 100 milhões. O valor representou uma alta de 154,8% ante igual período do ano passado.

Weg (WEGE3)

A WEG registrou lucro líquido de R$ 1,134 bilhão no segundo trimestre de 2021, alta de 120,6% na base de comparação anual.

Outras notícias e comunicados

2W Energia informou que sua controlada Anemus Wind Holding concluiu a liquidação da sua 1ª  emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, com esforços restritos, no valor de R$ 475 milhões. Saiba mais…

O Banco Central autorizou a Elo a instituir dois arranjos abertos de transferência, com base em contas de depósito e contas de pagamento pré-pagas. Segundo o Valor apurou, essa é a etapa regulatória final para que a Elo possa operar o WhatsApp Pay.

(Com informações do Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário