GPS aprova aquisição da totalidade de ações do Grupo Allis e da Comau

LinkedIn

A GPS aprovou a aquisição pela subsidiária, Top Service Serviços, da totalidade de ações do Grupo Allis e da Comau.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:GGPS3) na sexta-feira (23).

O Contrato de Compra e Venda referente à aquisição foi celebrado nesta sexta-feira e a conclusão da aquisição está condicionada ao cumprimento de obrigações e condições precedentes usuais nesse tipo de operação, incluindo sua submissão à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica–CADE.

A GPS pretende divulgar os resultados do 2T21 no dia 11 de agosto.

VISÃO DO MERCADO
Bank of America
As aquisições da Allis e da Comau, anunciadas pela GPS Participações na sexta-feira, estão em linha com a estratégia de expansão da companhia, de acordo com o Bank of America.
O BofA afirma que a GPS está a caminho de cumprir sua projeção de R$ 1,5 bilhão em receita de fusões e aquisições neste ano. De acordo com os analistas Murilo Freiberger e Gustavo Tasso, os cinco negócios firmados pela companhia após sua abertura de capital representam cerca de R$ 1,3 bilhão de receita bruta adquirida nos últimos três meses, elevando o faturamento em 18%.

Para o banco, os negócios anunciados no último dia 23 devem gerar uma taxa de retorno interno (TIR) de 25%, considerando fatores como múltiplos de aquisições em linha com a margem histórica, margens Ebitda das aquisições alcançando níveis da GPS e metade do valor da aquisição financiada por contratação de dívida.

Bank of America mantém recomendação de compra com preço-alvo de R$ 23,00.
Itaú BBA

O Itaú BBA comentou o anúncio do GPS de compra da Comau e da Allis, que informaram receitas brutas de R$ 339 milhões e R$ 240 milhões, respectivamente, nos últimos 12 meses encerrados em junho de 2021. Essas são, portanto, a quarta e a quinta aquisições do GPS desde sua oferta pública inicial de ações (IPO na sigla em inglês), em abril de 2021.

A receita bruta combinada das cinco empresas compradas pelo GPS desde o IPO é de R$ 1,3 bilhão, o equivalente a 87% da meta de faturamento bruto por novas fusões e aquisições em 2021.

O banco estima que o valor total de compra das empresas seja de entre R$ 116 milhões e R$ 166 milhões. O banco também afirma que pretende monitorar a evolução das diretrizes sobre fusões e aquisições, e diz acreditar que notícias positivas nesse quesito podem impulsionar mudanças no crescimento orgânico.

Itaú BBA mantém recomendação de compra com preço-alvo de R$ 23,00…

Lucro líquido de R$ 76 milhões no 1T21, crescimento de 90%

Grupo GPS, que presta serviços de mão de obra, registrou lucro líquido de R$ 76 milhões, crescimento de 90% na comparação com o mesmo período de 2020. Esse é resultado como companhia aberta — o IPO da empresa foi no final de abril.

receita líquida da GPS cresceu 24%, para R$ 1,493 bilhão. Esse dado inclui a incorporação de R$ 295,5 milhões em receitas de empresas adquiridas no final do ano passado — sem esse número, a receita da empresa ficou estável.

ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – teve alta de 38%, para R$ 141 milhões.

Deixe um comentário