Coluna do TradingView: Visão pessimista do mercado - IBOV, OIBR, MGLU e ARVL

LinkedIn

Analistas preveem uma queda substancial em alguma ações da B3, alertando para aguardar novos sinais de compra, pricipalmente no índice.

Vorfield

Indice Bovespa veem em queda e após romper o 117k e perder a media de 200 a expectativa e ir rumo a 103k.

Mas ja pensou em porque 103k? Minha primeira sugestão seria o 107k porque eh um nível que o IFR consolidou (indicador de baixo). Entretanto, pegando o preço mais recente temos o 117k que já foi rompido. Mas então porque 103k e não 107k como alvo?

Para isso vamos voltando no tempo e olhando a média de queda que o IBOV fez, chegamos numa conclusão que seria uma queda entre 12 e 13%. Vai? Não sei. Fica o pensamento. (Veja mais de IBOV)

José Renato

A análise semanal da Oi realmente não é nada animadora, para o um ativo que já esteve na região dos R$100 e agora retornando para os centavos, é um alerta para qualidade da empresa. Quando uma ação chega na casa dos centavos naturalmente o volume do ativo fica muito alto, pois qualquer movimentação representa um grande percentual. Essa volatilidade envolve um risco desnecessário para investidores e traders.

Em uma visão técnica, esse é um papel que vale compra na mesma proporção do seu preço. Um ativo em forte tendência de baixa com uma falha de continuidade significativa da região do R$1,38, não vale o risco de abrir posições em nenhuma ponta (compra ou venda), esse é um ativo apenas para acompanhar e esperar alguma reviravolta sem estar posicionado. Ativos que representam empresas sólidas, são papéis mais técnicos e consequentemente mais previsibilidade nos seus movimentos, as penny stocks não se enquadram nessa visão. (Análises OIBR)

Rafa Buffoni

CMIG3 ficando interessante. Mercado trabalha dentro de um canal amplo de alta e está próximo de romper canal secundário de baixa. Se quiser mais segurança, espera o pivot de alta. Teria como alvo a resistência do canal. (Gráficos CMIG).

Shima Trader

Ações MGLU3 já trabalham dentro de um canal de baixa pelo gráfico semanal gerando topos e fundos descendentes.

Durante a última semana tivemos uma tentativa de retomada do movimento de alta num pullback porém o mesmo foi claramente rejeitado, tendo rompido a máxima da barra anterior e não ter conseguido um bom fechamento, isso leva a uma provável continuidade do movimento de baixa visto anteriormente.

A perda dos 19,71 aciona uma venda com stop na região dos 21,30 e tendo alvos entre os 16,41 e os 14,65. (Ver mais de Magalu).

Trendline 365

A Arrival stock está com uma forte tendência de baixa. Olhando o gráfico semanal podemos ver que o ativo esta numa tendência de baixa, com suporte em $10 e resistência em $16. Quando olhamos o gráfico diário, observamos um alinhamento vendedor, mostrando uma convergência de baixa com o gráfico semanal.

O gráfico de 1h mostra uma desaceleração na venda, porém, continuamos dentro de uma tendência de baixa, com as médias alinhadas no sentido vendedor. No caso do gráfico de 1h é importante acompanhar se teremos um pivo de alta, abrindo divergência com os gráficos maiores apresentados anteriormente.

De um modo geral a expectativa é de baixa, com eventual teste em $10, caso o mesmo seja quebrado o próximo alvo seria $8.50. (Análises Arrival).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: VorfieldJosé RenatoRafael BuffoniKleber Shimabuku e Jean Trendline.

Deixe um comentário