Petróleo fecha em alta recuperando boa parte das perdas das últimas duas sessões

LinkedIn

Os preços dos contratos futuros de petróleo terminaram a sessão com mais de 2% de elevação, recuperando boa parte das perdas das últimas duas sessões, em um momento no qual os investidores continuaram avaliando o efeito da variante Delta do coronavírus sobre as economias globais.

“Os preços do petróleo se recuperaram hoje, na esperança de que talvez – apenas talvez – a variante Delta do coronavírus possa não ser uma ameaça tão grande à demanda global como os traders temiam há 24 horas”, disse o analista sênior de mercado do The Price Futures Group, Phil Flynn.

A recuperação da demanda ainda parece forte em muitas regiões do mundo, com as viagens aéreas nos Estados Unidos tendo mais de 2 milhões de passageiros por dia e a demanda de gasolina quase em níveis pré-pandêmicos, enquanto a Europa também vê um forte salto

Esses dados animadores sobre a demanda nos Estados Unidos e na Europa esbarram na China, que reportou 143 casos de covid-19 em um dia, no maior avanço diário desde janeiro, incluindo 108 infecções via transmissão local, de acordo com dados divulgados pela Comissão Nacional de Saúde do país.

Na semana passada, Goldman Sachs Group e Morgan Stanley cortaram suas perspectivas de crescimento para o ano inteiro para a China para 8,3% e 8,2%, de 8,6% e 8,7% respectivamente. “A natureza mais transmissível da variante e a abordagem covid-zero da China indicam que o impacto econômico é inevitável”, escreveram economistas do Morgan Stanley na ocasião.

Após subir mais de 3%, o preço do contrato do petróleo WTI negociado na Nymex com entrega para setembro terminou o dia com alta de 2,72%, cotado a US$ 68,29 o barril. Já o preço do contrato do Brent negociado na plataforma ICE, com entrega para outubro avançou 2,30%, cotado a US$ 70,63 o barril.

(Com informações do CMA e TC)

Deixe um comentário