Camil fecha acordo com a JDE Brasil para comprar as marcas de café compostas pelo termo “Seleto” registradas no Inpi

LinkedIn

A Camil que celebrou um acordo com a Jacobs Douwe Egberts BR Comercialização de Cafés por meio do qual adquiriu as marcas compostas do termo “Seleto” registradas no Instituto Nacional da Propriedade Intelectual – INPI. Entre essas marcas estão o Pilão, Pelé, e Moka.

O fato relevante foi feito pela empresa (BOV:CAML3) nesta segunda-feira (13). Confira o comunicado na íntegra.

A Operação está alinhada com a estratégia da Companhia de diversificação de categoria, inaugurando sua entrada no segmento de café. A Camil possui um histórico consistente de crescimento e ampliação de participação de mercado por meio de aquisições.

Essa mais recente aquisição consiste em um passo importante para o ingresso da Companhia no mercado de café, vindo de encontro aos seus objetivos estratégicos de aquisições de marcas e ativos no setor de consumo na América do Sul.

A conclusão da operação está sujeita a condições usuais a este tipo de operação, inclusive a obtenção de aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

VISÃO DO MERCADO

Bradesco BBI

O Bradesco BBI comentou a aquisição e destacou que não está mudando a sua visão sobre a companhia após a compra, mantendo recomendação neutra e preço-alvo de R$ 11 para o papel.

“Entendemos que a participação e receita da marca no Brasil não são relevantes. Além disso, o valor da transação não foi divulgado, mas entendemos que o valor a ser pago não é significativo. No entanto, consideramos esta transação em linha com a estratégia de diversificação da Camil, tendo recentemente adquirido um dos maiores players de massas alimentícias do Brasil (Santa Amália), e que marca agora a sua primeira entrada no negócio do café no Brasil”, apontam.

Deixe um comentário