Coluna do TradingView: Ações da semana - GGBR4, VIIA3, CAML3 e SLCE3

LinkedIn

Semana complicada para o mercado domestico, mas ainda assim analistas veem oportunidades na compra e na venda de papeis, confira:

Gui na Bolsa

GGBR4 também apresenta tendência de baixa, já que forma topos  e fundos descendentes, se encontra abaixo das médias e respeita canal de baixa.

A perda do fundo em R$25,50 abre caminho para R$23,50 (fundo anterior). A perda de tal nível confirma queda e favorece impulsão até R$20,30 (expansão de Fibonacci).

Todavia, o papel fez repique de alta e pode armar pivô de reversão. O rompimento da MME200 em R$27,00 indica alta no curto prazo e favorece “teste” do topo do canal de baixa em R$28,30. O rompimento de tal nível confirma tendência de alta e abre caminho para região entre R$31,50 e R$36,50, que são topos anteriores. (Veja mais sobre GGBR4).

Gabriel Fauth

Poço não tme fundo para as ações Via Varejo.

Papel queridinho por muitos investidores está em maus lençóis. Temos uma tendência muito forte de baixa, que pela regressão linear tem uma correção de 0,98, ou seja, quase 1, quase perfeita. Tivemos 6 pregões em que o preço se manteve acima da média de regressão, um teste no fundo (7 reais) é iminente. O CCI indica momento vendedor absoluto sem respiro comprador.

Dado isso, temos um próximo suporte em 6,41 para testar, para mim é venda até que o padrão baixista seja quebrado e pivôs de alta sejam formados. (Análises sobre VIIA3)

Investments 4You

Após um forte movimento de baixa de mais de 28% entre topo e fundo, o preço da CAML3 vinha trabalhando dentro de um canal de baixa muito bem estruturado. Houveram falsos rompimentos com teste na MME200 ao longo do desenvolvimento de baixa, mas sem força compradora. A atual formação, desenvolveu um forte rompimento de resistência, mas com retorno para pullback, com isso, fortaleceu o volume comprador e conseguiu subir mais de 4% só hoje (27/09), rompendo também a MME200, região essa que estava servindo como uma forte resistência.

Com isso, seria necessário o preço desenvolver uma correção do movimento de hoje, para iniciar um processo de pivot de alta, com isso, confirmaria a reversão de tendência para o curto prazo e projetaria alvo na região de 100% de Fibonacci. (Mais sobre Camil).

Alexandre Zaire

De fevereiro à outubro os campos de soja da SLCE3 transformam-se em algodoeiros, este ano a SLC vai encontrar o mercado de algodão na máxima histórica da última década enquanto as ações seguem as quedas do índice e batem novamente 42 reais. Tudo nos indica que o terceiro e quarto trimestre serão melhores que de anos anteriores, impactados pela alta do algodão, principal fonte de receita desta época do ano para a SLCE3. (Ver análise na íntegra).

Marcio Botinhão

A Arrival stock está feia no mensal, subiu dois meses e já caiu tudo. No semanal temos topos e fundos descendentes, não me alegrando para compra. No diário tivemos várias tentativas de rompimentos de alta, parece estar estabilizando e ganhando força. Prefiro esperar um rompimento forte e um pillback, com apoio das médias. (Ver vídeo completo).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Gui na BolsaGabriel Fauth, Investments4You, Alexandre Zaire e Marcio Botinhão

Deixe um comentário