Nova atualização Ethereum permitirá carteiras Multi-Sig integradas, processo de atualização simplificado e muito mais

LinkedIn

A nova proposta de atualização do ERC-4337 foi  anunciada  por Vitalik Buterin. O  desenvolvedor da Ethereum (COIN:ETHUSD) discutiu os novos recursos que serão introduzidos com a atualização e as possibilidades que o novo ERC traz para a rede.

Introdução à abstração da conta

A atualização mais importante para a rede Ethereum será a Abstração de Conta, que tem sido aguardada tanto pelas comunidades de desenvolvedores quanto de usuários.

A atualização adiciona uma nova lógica de verificação para carteiras de usuários individuais. Ele cria novas funções para desenvolvedores de carteiras, que agora serão capazes de implementar futuros como assinaturas múltiplas, recuperação social e novos algoritmos de assinatura.

As funções mencionadas já estão presentes na carteira moderna, mas para usá-las, os desenvolvedores precisam usar transações adicionais e gastar quantidades excessivas de gás.

Os usuários precisam manter algum Ethereum (COIN:ETHBRL) em uma conta externa ou usar sistemas de retransmissão que geralmente funcionam de maneira centralizada.

O EIP-2938 apresentado anteriormente já foi projetado para corrigir o problema, mas também exigiu alterações no protocolo Ethereum que não combinam bem com o foco do desenvolvedor atual (o problema de escalabilidade).

Na proposta recém-apresentada, os mesmos objetivos serão alcançados sem mudanças no protocolo da camada de consenso.

Como funciona a nova proposta da atualização Ethereum?

A principal função que a atualização trará é a nova lógica de transação que permite a implementação de novos usos sem alterar o protocolo do Ethereum.

Com o EIP-4339, os desenvolvedores decidiram criar uma nova camada que conterá os comandos do usuário e criar uma fila que será agrupada e enviada para o bloco como uma transação.

Propriedades do novo design de transação

Em seu artigo, Buterin descreveu várias propriedades que a nova lógica de transação traz para a cadeia.

Atores na cadeia agora serão descentralizados, já que tudo está sendo feito por meio de um mempool P2P, configuração simplificada de carteira do usuário, suporte EIP-1559 completo e proteção contra ataques DoS.

Espera-se que uma versão inicial da atualização seja lançada em breve. Em seguida, a proposta passará por auditorias de segurança e será divulgada na testnet.

Por Gabrieli Torres

Deixe um comentário