Coluna do TradingView: Otimismo para a bolsa!

LinkedIn

Analistas se mostram otimistas para a recuperação do Ibovespa durante Outubro. Pode ser o recuo da inflação e a retomada do setor de Varejo ou simplesmente o rally de fim de ano? Confira as análises da semana.

Felipe Ramos

Pergunto como uma empresa tem receita de +- 100 milhões anual, Ativo total de 170 milhões com dívida de 80 milhões tem um market cap de 2 bilhões? A empresa negocia 20x a receita anual.

Só pra justificar o preço atual teria que crescer a taxa de 250% a.a. nos próximos 5 anos com margem de 30% (alta quase nenhuma empresa do setor mantém uma margem dessa). Teria que manter a perspectiva de crescimento alto após pra justificar um valor maior que esse. Isso seria o mesmo que triplicar de tamanho a cada ano.
É possível? Claro. A Tesla Apple Microsoft cresceram nesse ritmo.

Uma boa comparação também pode ser feita com a XP. A empresa negocia hoje à menos de 10x a receita. De 2017 a 2020 a XP cresceu 300% a receita anual. Projetando a receita pra esse ano (2 em 2.4 bi, ela estará atingindo a marca de 400% de crescimento em 4 anos, 100% ao ano.

Acho que tem muito trabalho pela frente nessa empresa pra corresponder a expectativa. Mas é só minha opinião. (Veja a análise na Íntegra).

Felipe Fiuza

O preço do ativo fez um fundo duplo em cima do alvo em 2.70 e rompeu seu topo em 2.95 mostrando um pequeno pivot de alta. Fechou dia 08/10 acima da média móvel de 20 períodos e dia 11/10 formou um padrão de candle para altas (Gift) caso venha a romper a máxima no próximo pregão.

A média móvel de 9 já aponta pra cima, porém a de 20 ainda está apontada para baixo.

Se o padrão do Gift for acionado teremos os três primeiros alvos para altas, obtidos pela expansão de Fibonacci da pequena perna de alta formada entre os dias 30/09 e 01/10. Os próximos três alvos para altas são obtidos pelo espelhamento de Fibonacci da perna de baixa formada entre os dias 23/09 e dia 30/09. (Análises sobre COGN3).

GFauth

Itaú segura o índice e não é difícil notar, são 4 meses atuando de forma lateral com variações de no máximo 4% e mínimo -2% (acumulado -5%), enquanto o Indice Bovespa corrigiu de 130mil para 113mil, performando -13% no período, puxada pelas fortes quedas do ferro VALE3 ) e alta da inflação (queda no varejo).

O papel está flutuando entre máximas em 11,72 e 11,52 e suportes em 10,94 e 10,78, bem definidas pela região de volume mostrando alta liquidez nessa região.

Até a região de 9,84 ITSA4 ainda tem suporte forte enquanto as resistências mais relevantes no momento seguem 11,72 e 11,52. Só vejo alta para o papel no rompimento dessa resistência.

Acho que com a alta do petróleo (PETR4) e a última leitura levemente recuada da inflação de Setembro, podemos ver o Índice testando o topo novamente, e consequentemente a ITSA4 acompanhando o movimento. (Ver mais de ITSA4).

Shima Trader

VALE3 após um forte movimento de baixa passa por um movimento de correção (pullback) e uma vez que já atingimos a região dos 50% de fibo, podemos começar a imaginar numa possível retomada da tendência de baixa, lançando uma onda C cujo alvo seria na região dos 49,80.

Porém, pode continuar subindo e buscando a retração de 61,8% na região dos 85,00. Por enquanto não há qualquer sinal de que o ativo irá voltar a se movimentar para baixo. Importante notar que havia um gap aberto no gráfico diário e que foi fechado no pregão do dia 11/10/2021 . (Mais de VALE3).

Paulo Tedesco

Comparativo PRIO3 PETR4. No comparativo do ano corrente (CYTD) podemos notar que a valorização de Petrorio (PRIO3) é muito, mas muito superior a de PETR4.

Some-se também que operar PRIO3 é muito mais tranquilo, não é uma estatal, não está sujeita a variações de humor do governo e nem tampouco tem estrutura operacional inchada. Se quer menos dor de cabeça: PRIO3! (Análises Petro Rio).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Filipe Ramos, Felipe FiuzaGabriel FauthKleber Shimabuku e Paulo C. Tedesco.

Deixe um comentário