Dólar fecha em alta, refletindo as incertezas em relação à desaceleração chinesa e a situação da Evergrande

LinkedIn

O dólar comercial fechou em R$ 5,4460, com alta de 1,45%. A moeda norte-americana operou em alta durante toda a sessão, refletindo as incertezas em relação à desaceleração chinesa e a situação da Evergrande. Um acordo para o aumentar o teto da dívida, nos Estados Unidos, também é aguardado.

Para o economista-chefe da Infinity Asset, Jason Vieira, “o dia está muito pesado para os emergentes, mas nós acabamos sofrendo mais por ter maior volume e ser um mercado extremamente líquido”.

Enquanto o mercado aguarda um acordo para aumentar o teto da dívida nos Estados Unidos, as luzes continuam amarelas para a China: “A ausência de notícias sobre a Evergrande se encaixa na habitual história da falta de informação sobre a China. Ela só divulga o que quer, tudo é muito nebuloso”, pontua Vieira.

“Não é um novo Lehman Brothers, nem um 11 de setembro, mas pode ser terrível para a China”, pontua Vieira, acentuando que o risco é maior para o país asiático do que para a economia global.

Segundo o analista de investimentos da Toro, Victor Lima, “existe grande receio vindo do exterior, com a ‘estagflação’ em diversos países. Ainda não vemos uma sinalização de aumentos de juros no Estados Unidos”.

Concomitante a isso, a falta de solução para o caso Evergrande ainda “pesa muito no mercado”. A desaceleração da economia chinesa também é preocupante, pontua Lima.

De acordo com a economista-chefe do Banco Ourinvest, Fernanda Consorte, “existe muita cautela com a China, com a suspensão da aquisição da Evergrande. Isso gera grande aversão ao risco e valoriza o dólar ante as moedas emergentes”. A economista ainda sublinha que alguns analistas projetam o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) chinês abaixo dos 8%.

Consorte, por outro lado, não vê as notícias sobre o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, possuírem valores em paraísos fiscais como algo que interfira no câmbio: “É muito mais falatório”, pontua.

Acompanhe as altas e baixas do dólar nos últimos dias:

Data Compra Venda Variação Variação
04/09/2021 5,446 5,4464 1,442% 0,0774

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,44

🇪🇺 – US$ 1 = €$ 0,86

🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,73

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

(Com informações da TC, UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário