Petróleo fecha em alta, com esperança de que a variante Ômicron não impacte a recuperação

LinkedIn

Os preços dos contratos futuros de petróleo reverteram as perdas de mais cedo e fecharam em alta superior a 2% depois que a Bloomberg reportou que as exportações da commodity feitas pela Arábia Saudita tiveram um forte aumento em outubro. Os dados trouxeram a esperança de que a variante Ômicron não impacte a recuperação.

Segundo reportes, as exportações sauditas aumentaram em outubro devido à alta dos preços do petróleo, quando atingiram o pico de 2021. De acordo com a Autoridade Geral de Estatísticas do Reino, conforme citado pela Bloomberg, foram US$ 28 bilhões em produtos exportados. O petróleo bruto representou 77,6% disso, ante 66,1% no ano anterior.

O valor das exportações de petróleo sozinho foi 123% maior em outubro de 2021 do que no ano atrás, a autoridade de estatísticas disse, enquanto o valor das exportações não petrolíferas aumentou 25,5%.

Um dos maiores exportadores de petróleo do mundo colheu todos os benefícios da recuperação da demanda por petróleo este ano, aumentando suas exportações e preços de venda, apesar das preocupações persistentes com a pandemia.

“O mercado de petróleo bruto intermediário do West Texas se recuperou significativamente durante a sessão de negociação de hoje, com os comerciantes entrando em compra com as duas mãos. Parece que os traders estão colocando a variante Ômicron para trás, e agora estão começando a apostar que os preços mais altos do petróleo são um problema consistente”, afirmam o analista da FX Empire, Christopher Lewis.

Mesmo com a última variante do coronavírus causando temores de novos bloqueios e outras restrições, a Arábia Saudita aumentou seus preços oficiais de venda do petróleo para compradores asiáticos e em pesados

A decisão de aumentar os preços demonstra a confiança de que a demanda por petróleo permanecerá robusta apesar da pandemia. A confiança também foi destacada no início deste mês, quando a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) decidiu adicionar outros 400 mil barris por dia (bpd) à produção combinada em janeiro, apesar da decisão do governo dos Estados Unidos de liberar até 50 milhões de barris de petróleo em uma tentativa de reduzir os preços dos combustíveis no varejo.

Mais cedo, os preços caíam já que aproximadamente 1.300 voos foram cancelados pelas companhias aéreas dos Estados Unidos no domingo, pois a covid-19 reduziu o número de tripulações disponíveis, enquanto vários navios de cruzeiro tiveram que cancelar paradas.

O preço do contrato do petróleo WTI negociado na Nymex com entrega para fevereiro subia 2,39%, cotado a US$ 75,57 o barril. Já o preço do contrato do Brent negociado na plataforma ICE, com entrega para fevereiro avançava 2,23%, cotado a US$ 78,60 o barril.

Informações Agência CMA

Deixe um comentário