3R Petroleum: Sudene aprova enquadramento referente ao benefício fiscal do Polo Rio Ventura

LinkedIn

A 3R Petroleum recebeu da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), órgão vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Regional, a aprovação do enquadramento referente ao benefício fiscal de redução do Imposto de Renda e Adicionais em favor da 3R Rio Ventura, sua subsidiária integral, detentora e operadora do Polo Rio Ventura, na Bacia do Recôncavo, na Bahia.

O comunicado foi feito pela companhia (BOV:RRRP3) na quinta-feira (30).

A petroleira explicou que o enquadramento no benefício permite redução de 75% do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) pelo prazo de 10 anos, a partir de 1 de janeiro de 2022, levando a alíquota combinada de IRPJ e Contribuição Social – CSLL de 34% para até 15,25% sobre as atividades de produção de petróleo desenvolvidas pela 3R Rio Ventura.

“O enquadramento do Polo Rio Ventura no benefício fiscal da Sudene é mais um importante marco na geração de valor aos acionistas e incentivo ao desenvolvimento da tese de investimento da companhia, pautado no redesenvolvimento e revitalização de campos maduros, com geração de emprego e renda locais”, explicou a 3R.

A companhia destaca que os Polos Macau, Rio Ventura e Areia Branca, hoje sob operação da 3R, estão enquadrados como beneficiários fiscais quanto à redução do Imposto de Renda e Adicionais perante a Sudene, e são apenas parte do portfólio da companhia elegível ao referido benefício fiscal.

“Tão logo a companhia assuma as operações dos Polos Fazenda Belém, Pescada, Recôncavo e Peroá, serão iniciados os procedimentos para o enquadramento dos referidos projetos ao benefício”, afirmou a companhia.

Informações FinanceNews

Deixe um comentário