Madero realiza reperfilamento de sua dívida de curto prazo

LinkedIn

A Madero conseguiu realizar um reperfilamento de sua dívida de curto prazo. Isto ocorre elevando os vencimentos para 5 e 6 anos, reduzindo assim, mais de 90% da dívida de curto prazo, elevando o prazo médio das dívidas de 1,4 ano para 3,8 anos.

O grupo assinou os aditivos aos contratos de dívida com os bancos BTG Pactual (BOV:BPAC11), Banco do Brasil (BOV:BBAS3) e Bradesco (BOV:BBDC4), bem como à sua 4ª emissão de debêntures, atualmente de titularidade do Itaú Unibanco (BOV:ITUB4), estendendo seus vencimentos para 5 anos, com a primeira amortização de principal em setembro de 2023, e todas as linhas indexadas a CDI.

Informações FinanceNews

Deixe um comentário