Ministério das Comunicações da Malásia propõe adotar criptomoedas como moeda legal

LinkedIn

O Ministério da Comunicação e Multimídia da Malásia propôs a adoção de moedas digitais como moeda legal no país. A ideia surgiu por causa do aumento do número de jovens ativos no campo das criptomoedas no país.

A proposta do ministério também foi compartilhada no Twitter pelo cofundador e CEO do fundo de hedge, Three Arrows Capital Ltd., Zhu Su.

Visando a geração mais jovem

De acordo com a proposta, Datuk Zahidi Zainul Abidin, vice-ministro de Comunicações e Multimídia, disse que as criptomoedas são denominadas como o futuro das finanças.

Em resposta a uma pergunta complementar feita por Syed Ibrahim Syed Noh no Dewan Rakyat na segunda-feira (21 de março) sobre a posição do governo em negociar em plataformas NFT, que estava se tornando mais popular, especialmente entre a geração mais jovem, Zahidi disse:

“Tudo isso está sob a alçada do Bank Negara Malaysia e da Comissão de Valores Mobiliários. Esperamos que o governo permita e legalize isso para podermos aumentar a aceitação de criptomoedas pelos jovens.”

Datuk também acrescentou haver planos para aumentar o envolvimento em plataformas de negociação de criptomoedas e não fungíveis (NFT).

Países e criptomoedas como moedas legais

Enquanto a maioria dos países ao redor do mundo está atualmente trabalhando em moedas digitais de bancos centrais (CBDCs), existem vários países e cidades que sugeriram fazer as criptomoedas já existentes, especialmente Bitcoin (BTC) moedas legais.

O primeiro país a fazê-lo foi El Salvador e, embora não tenha havido nenhum outro país que tenha conseguido, podemos ver que a Malásia se juntando ao clube.

Deixe um comentário