Para o Itaú BBA, as ações da Vivara sustentará seu forte ritmo de crescimento no futuro, destacando suas vantagens competitivas e potencial de crescimento de seu segmento Life

LinkedIn

Segundo o Itaú BBA, a Vivara foi afetada pela pandemia, assim como o mercado de joias como um todo, mas “os concorrentes menores foram mais atingidos devido às restrições de caixa, principalmente na construção de estoque”.

Para o Itaú BBA, as ações da Vivara “sustentará seu forte ritmo de crescimento no futuro, destacando suas vantagens competitivas e o potencial de crescimento de seu segmento Life; aproveitamos também para atualizar nossas estimativas”.

“Também há evidências de que o segundo maior player do setor, a Pandora, começou a priorizar seu crescimento em alguns mercados principais, reduzindo gradualmente sua exposição no Brasil e deixando um vácuo de mercado que acreditamos que marcas capitalizadas e conhecidas estão mais bem preparadas para preencher”, explicam os analistas.

“Esses fatores posicionam a empresa como a clara vencedora para liderar a consolidação do mercado no Brasil. Do 1T20 para o 1T22, a empresa ganhou 4,7 pp de market share, atingindo 16,3%. Vemos seus ganhos de escala, reconhecimento de marca e histórico de execução como vantagens competitivas que podem impulsionar seu crescimento futuro, e vemos mais espaço para aceleração de participação de mercado nos próximos anos, com potencial de aumento proveniente da atividade de M&A”, diz o relatório.

“Uma vez que a empresa atinja uma participação de mercado-alvo para um mercado consolidado, podem se tornar um tópico de discussão entre os investidores nos próximos anos”, o banco aponta que é necessário observar questões relacionadas a oportunidades de crescimento a longo prazo.

“A Vivara abriu 33 lojas Life do 1T19 ao 1T22. Nossas estimativas pressupõem 93 aberturas de lojas para a marca do 1T22 até 2024, quando deve chegar a 128 lojas. Esse ritmo acelerado de expansão, impulsionado pelo reconhecimento da marca Vivara, é um fator-chave para ganhos e retornos de lucratividade, com um atraente ROIC de 31% (incluindo benefícios fiscais) em nível de loja, de acordo com nossos cálculos”, afirma.

O crescimento do segmento Life by Vivara é “fundamental para complementar o mix de produtos da Vivara e expandir seu mercado endereçável, e atualmente é uma das principais vias de crescimento para o caso de investimento”, afirma o banco.

Itaú BBA tem recomendação de compra e reduz preço-alvo de R$ 37,00 para R$ 32,00…

Informações Moneytimes

Deixe um comentário